PUBLICIDADE

Torcedores do Athletico pagam por excursão e levam golpe

Cada pessoa havia pagado R$ 600 por um lugar no transporte, mas o organizador da excursão "desapareceu" com o dinheiro.

Cada pessoa havia pagado R$ 600 por um lugar no transporte, mas o organizador da excursão "desapareceu" com o dinheiro.
Cada pessoa havia pagado R$ 600 por um lugar no transporte, mas o organizador da excursão "desapareceu" com o dinheiro. -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Cada pessoa havia pagado R$ 600 por um lugar no transporte, mas o organizador da excursão "desapareceu" com o dinheiro

Um grupo de torcedores do Athletico Paranaense denunciou à Banda B, nesta quinta-feira (18), ter sido lesado pelo organizador de uma excursão que deveria levá-lo à final da CONMEBOL Sul-Americana, em Montevidéu, no Uruguai. Após o ocorrido, os jovens conseguiram arrecadar R$ 16 mil para deixar Curitiba rumo ao sudeste da América do Sul ainda na quinta-feira.

Revoltado, o torcedor do rubro-negro José Moreira explicou que todos os integrantes da excursão já haviam pago o valor total da viagem. De acordo com ele, cada pessoa pagou R$ 600 por um lugar no transporte. As vítimas pertencem ao “Furacão Chopp”.

“Realmente, o valor estava um pouco abaixo dos outros ônibus que farão o trajeto, e isso nos atraiu. Desde que saiu a data da final, o grupo vinha se organizando para ir. Eu e meu amigo entramos na excursão há duas semanas, quando fechou a lista”, disse Moreira.

Segundo relatou o torcedor, o organizador da viagem recebeu todo o dinheiro e deveria tê-lo depositado para a empresa de ônibus que levaria os torcedores para o Uruguai nesta quinta. No entanto, ele “desapareceu” e não cumpriu com o combinado.

“O sentimento é de revolta, frustração. Quem está indo para lá viu a burocracia que é. Além da passagem, o ingresso é caro. Precisamos fazer o teste PC-R e ter tomado as duas vacinas contra covid”, lamentou.

O grupo, que pretende denunciar o organizador, revelou à reportagem que o homem responsável pela viagem já possui históricos de processos contra si, inclusive por estelionato.

Arrecadação

À Banda B, o torcedor informou que o grupo conseguiu, por volta das 22h, arrecadar todo o montante para viajar.

Moreira disse mais cedo que a empresa que os levará até a decisão da CONMEBOL Sul-Americana é mesma que o suposto estelionatário havia combinado.

A campanha de arrecadação teve início por volta do meio-dia, explicou ele.

Leia a matéria completa no site da Banda B, parceira do Portal aRede.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE