Paraná é o segundo estado que mais realiza exames RT-PCR | A Rede - Aconteceu. Tá na aRede! Portal aRede - Aconteceu! Tá na aRede!
Publicidade

Cotidiano

Desde o começo da pandemia foram com 536.853 amostras examinadas

Foto: Divulgação

Agência Estadual de Notícias | Cotidiano | 09/09/2020 as 19:00h

Paraná é o segundo estado que mais realiza exames RT-PCR

Desde o começo da pandemia foram com 536.853 amostras examinadas

O Paraná é o segundo estado que mais realiza exames RT-PCR para detectar a presença do novo coronavírus no organismo. Desde o começo da pandemia foram com 536.853 amostras examinadas, de acordo com dados do Boletim Epidemiológico Especial, do Ministério da Saúde. São Paulo é o que tem o maior número, com 661.025 exames realizados. O terceiro neste ranking é a Bahia, que aparece com 268.157, menos da metade de exames realizados pelo Paraná. Os dados são de exames realizados até o dia 29 de agosto e foram extraídos do Gerenciador de Ambiente Laboratorial (GAL) pelo governo federal.

Em relação aos números realizados proporcionalmente à população, o Paraná também aparece no topo, em terceiro lugar. Foram realizados 4.574 exames a cada 100 mil habitantes. Os dois estados com maior número proporcional são Amapá (5.715) e Tocantins (5.576). A média brasileira é de 1.628 e entre os três estados do Sul, fica em 2.706. O cálculo é feito multiplicando o número total de exames por 100 mil e dividindo o resultado pelo número de habitantes.

O documento do Ministério da Saúde apresenta dados dos exames chamados “padrão ouro” acumulados entre março e 29 de agosto. Esse é o exame que detecta a presença do vírus no organismo, feito a partir de coleta de material nas vias respiratórias. O boletim foi publicado em 2 de setembro.


Tecnologia de ponta

O secretário de Saúde, Beto Preto, explica que o Paraná conta com laboratórios com tecnologia de ponta, como o Laboratório Central (Lacen) e o Instituto de Biologia Molecular (IBMP), idealizado em parceria com a Fiocruz, que trabalham para realização de exames para todos os usuários do SUS. Ele afirma que essa estratégia de testagem massiva construída desde o começo da pandemia ajudou a dar panorama mais claro da situação para a tomada de decisões que evitaram contágio desenfreado.

“Sabemos que ainda temos muito a avançar no combate ao coronavírus, mas a nossa rede de laboratórios está bastante estruturada e é robusta, o que nos ajudou desde o começo do ano. Essa é uma condição que nos coloca um passo à frente dos demais no diagnóstico em momento oportuno e na condução das medidas para passarmos com menor dano aos paranaenses”, afirmou o secretário. “Identificar cedo é uma das principais condições para isolamento e para vencer o vírus”.


Agilidade

O Lacen é o laboratório referência no Paraná para diagnósticos de todas as doenças que possam oferecer risco à saúde pública, como dengue, sarampo, influenza, entre outros. A sua estrutura, já qualificada, foi reforçada no começo da pandemia com a ampliação para até 600 testes/dia e passou a processar testes vindos de todas as cidades do Estado.

Desde abril o Paraná recebe apoio do IBMP, que é ligado à Fundação Osvaldo Cruz, para o processamento de mais exames para identificação do novo coronarívus. Nesse local é possível realizar até cinco mil por dia.

Ao mesmo tempo a rede credenciada dos laboratórios privados foi ampliada e hospitais e unidades básicas de Saúde ingressaram na estratégia de identificação precoce da Covid-19. Esse trabalho integrado ajudou na formulação das políticas sanitárias em relação ao coronavírus, além da quarentena restritiva adotada em quase metade do Paraná no começo de julho.

O Estado chegou nesta quarta-feira (9), quase seis meses depois dos primeiros casos, como terceira unidade da Federação com menor incidência de casos e segunda em óbitos em relação à sua população.


Inovação

A inovação também faz parte da rotina dos técnicos e gestores na saúde pública desde o começo da pandemia. Como reconhecimento desta busca, o Lacen, referência do Estado, desenvolveu uma técnica na qual elimina uma etapa no processamento das amostras. A adaptação do tubo com o swab direto à máquina evita o manuseio e reduz o tempo entre a chegada da amostra e a extração do material genético para o exame. “Atuamos sempre buscando mais melhorias, mais eficiência para o nosso trabalho. A adaptação do tubo contendo o swab nos permite reduzir o tempo e uma etapa que envolve pessoas no fluxo, com isso reduzimos também o risco de contaminação nesta etapa”, comentou a diretora-geral do Lacen, Célia Fagundes da Cruz.

Anteriormente, quando as caixas UN 3373 (que atendem às normas de Biossegurança para transporte especial de amostras biológicas) chegavam com os tubos contendo no seu interior o meio de transporte viral e os swabs com as amostras coletadas, havia a necessidade de transferir este material para tubos compatíveis com a máquina. Isso demandava tempo e pessoal dedicado para esse trabalho

email sharing button
email sharing button
email sharing button
email sharing button

Publicidade

Recomendados

Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ponta Grossa 23/10/2020 ás 09:01h
Ponta Grossa 23/10/2020 ás 09:01h
Publicidade
Ponta Grossa 23/10/2020 ás 08:27h
Ponta Grossa 23/10/2020 ás 08:20h
Publicidade
Esporte 23/10/2020 ás 07:36h
Ponta Grossa 23/10/2020 ás 07:33h
Publicidade

LIVES RECENTES

Ao Vivo
ao vivo | 22/10/2020 ás 18:12h

Assista ao É Notícia desta quinta-feira

I9 oferta material elétrico de qualidade em PG
PG completa sete meses da pandemia da Covid-19
Pride lança empreendimento com preço arrasador em PG
Ver Mais
Publicidade

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 22/10/2020 ás 23:01h

Saiba qual é a agenda dos prefeituráveis nesta sexta-feira (23)

Ponta Grossa 22/10/2020 ás 21:02h
Publicidade
Ponta Grossa 22/10/2020 ás 19:50h
Publicidade

COTIDIANO

Cotidiano | 22/10/2020 ás 22:30h

Dupla é presa por venda de remédios abortivos no Paraná

Publicidade
Cotidiano 22/10/2020 ás 19:43h
Publicidade

VÍDEOS

Ponta Grossa | 21/10/2020 ás 15:44h

Seap assina convênio com Instituto Mundo Melhor

Ver Mais

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 22/10/2020 ás 19:11h

Receita Federal restitui R$ 2,2 milhões na região

Campos Gerais 22/10/2020 ás 11:54h
Campos Gerais 22/10/2020 ás 11:30h
Publicidade
Campos Gerais 22/10/2020 ás 10:53h
Campos Gerais 21/10/2020 ás 19:43h
Campos Gerais 21/10/2020 ás 17:30h
Publicidade

MIX

Mix | 22/10/2020 ás 22:00h

Projeto Cultural de PG é aprovado em edital estadual

Publicidade
Publicidade

ESPORTE

Esporte | 22/10/2020 ás 19:33h

Pedro Ken testa positivo e Operário tem 9 casos ativos

Publicidade
Esporte 22/10/2020 ás 07:29h
Publicidade

INSANA

Insana | 19/10/2020 ás 14:59h

Ponta-grossenses 'inovam' na forma de usar o drive-thru

Publicidade
Publicidade

VAMOS LER

Vamos Ler | 15/10/2020 ás 18:10h

Escola de PG homenageia professores e funcionários

AGRONEGÓCIO

Agronegócio | 22/10/2020 ás 12:00h

Mapa revela o impacto da produção agrícola no PIB local

Publicidade

ROMULO CURY

Romulo Cury | 22/10/2020 ás 06:30h

Confira a Coluna RC desta Quinta-Feira (22-10)

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 23/10/2020 ás 06:30h

Confira a Coluna RC desta Sexta-Feira (23-10)

EMPREGOS

Empregos | 22/10/2020 ás 16:34h

Vagas na Agência do Trabalhador para Sexta-feira (23/10)

Publicidade

MAIS LIDAS

Ponta Grossa | 16/10/2020 ás 15:21h

Escolas retomam atividades de forma gradual em PG

Bom Dia Astral 18/10/2020 ás 06:00h
Bom Dia Astral 21/10/2020 ás 06:00h
Ponta Grossa 16/10/2020 ás 16:01h
Publicidade
Publicidade