PUBLICIDADE

Fadel tem recurso negado e decisão será no TSE

O ex-prefeito de Castro recebeu mais de 41 mil votos para o cargo de deputado estadual

Moacyr Fadel, ex-prefeito de Castro.
Moacyr Fadel, ex-prefeito de Castro. -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) rejeitou, por unanimidade, nesta terça-feira (4), o recurso de embargos de declaração do ex-prefeito de Castro, Moacyr Fadel (PSD). A defesa de Fadel pediu uma reanálise da ação que impugnou a candidatura do ex-prefeito, votado por mais de 41 mil eleitores no último domingo. Fadel briga na justiça para ter seus votos validados e assumir o mandato de deputado estadual em 2023. 

O ex-presidente da AMCG teve sua candidatura impugnada no final de setembro, após o TRE-PR considerá-lo inelegível. Agora, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) irá julgar o recurso apresentado pela defesa de Fadel para decretar a validade ou não dos votos recebidos.

Fadel afirmou estar confiante nos critérios técnicos de julgamento do TSE e na manutenção de sua candidatura à Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). “Já esperava essa decisão. Passei por um cenário semelhante quando me candidatei a prefeito de Castro. Vamos tranquilamente encaminhar o recurso para Brasília. Minha campanha continua tranquila e serena. Seguimos confiando na justiça”, declarou. 

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE