PUBLICIDADE

Vítimas de tragédia na BR-376 serão sepultadas hoje

Servidores públicos e moradores de Ortigueira estavam em veículo que foi atingido por toras de madeira

Dos cinco ocupantes do veículo, quatro morreram no local
Dos cinco ocupantes do veículo, quatro morreram no local -

Sebastião Neto

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

As quatro vítimas fatais do acidente na BR-376 envolvendo um veículo da Prefeitura Municipal de Ortigueira, na manhã desta segunda-feira (12), serão sepultadas durante esta terça-feira (13) no município da região dos Campos Gerais. Edina Casturina Batista, Jhuli da Silva Nocera, a funcionária pública Rosalina Ferreira de Melo, além do motorista do carro, o servidor público Moacir Taveli Mendes, estavam no veículo que acabou atingido por toras de madeira que se desprenderam de um caminhão que passava pelo km 437 da Rodovia do Café, na região do Alto do Amparo em Tibagi.

Os corpos das vítimas chegaram ao município de Ortigueira entre o fim da tarde e a noite desta segunda, quando foram iniciados os velórios. As cerimônias de sepultamento serão ao longo do dia, no cemitério municipal. Por conta da tragédia, que envolveu os servidores e pessoas que seguiam para Ponta Grossa realizar perícias médicas no INSS, o prefeito Ary Mattos decretou luto oficial em Ortigueira pelos próximos três dias.

Vítima internada

O único sobrevivente do veículo de Ortigueira, Antônio Carlos Fernandes de Lima, segue internado no Hospital Universitário Regional de Ponta Grossa; o passageiro foi levado ao hospital logo após o acidente em estado grave, precisando passar por cirurgia nesta segunda. O último boletim médico do passageiro, atualizado no início da manhã desta terça, mostra que o quadro de Antônio está 'estável'.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE