Telêmaco propõe reajuste de 40% para agentes de saúde

Proposição encaminhada ao Legislativo está de acordo com a Emenda Constitucional que prevê o piso nacional da categoria

Proposição encaminhada ao Legislativo está de acordo com a Emenda Constitucional que prevê o piso nacional da categoria
Proposição encaminhada ao Legislativo está de acordo com a Emenda Constitucional que prevê o piso nacional da categoria -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Proposição encaminhada ao Legislativo está de acordo com a Emenda Constitucional que prevê o piso nacional da categoria

A Prefeitura de Telêmaco Borba enviou para Câmara Municipal a proposta de aumento dos salários dos agentes comunitários de saúde (ACS) e agentes de combate às endemias (ACE). De acordo com o município, a medida prevê um aumento de 40,55% para ambas categorias.

A proposição encaminhada pelo Poder Executivo está de acordo com a Emenda Constitucional nº 120/2022, de 05 maio de 2022, que fixa o Piso Nacional Profissional para os agentes citados em valor não inferior a dois salários mínimos, a contar de 06 de maio deste ano de 2022. O documento enviado à câmara de vereadores afirma que o reajuste deverá valer para todos os níveis e classe do enquadramento em Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos, especificamente, para os ocupantes dos cargos de ACS e ACE.

O prefeito Dr. Márcio Matos exaltou a concessão. “Esses são profissionais muito importantes para a saúde do nosso município. Atuam na prevenção, com contato direto com a população, precavendo que tenhamos problemas. Nada mais justo que valorizarmos esses agentes com esse reajuste”, comentou.

Municípios da região

Os municípios dos Campos Gerais já começam a se movimentar em prol da concessão do reajuste salarial para a categoria. Em Tibagi, o prefeito Artur Butina já encaminhou a proposta referente ao aumento para a câmara municipal na semana passada. O prefeito de Arapoti, Irani Barros, também já envio a proposição. Em Piraí do Sul, o reajuste já foi autorizado pelo Legislativo.

Com informações da Assessoria de Imprensa