UTFPR participa de campeonato latino-americano de foguetes

Esta é a segunda vez que a Orion participa desta competição, a primeira vez de maneira presencial.

Esta é a segunda vez que a Orion participa desta competição, a primeira vez de maneira presencial.
Esta é a segunda vez que a Orion participa desta competição, a primeira vez de maneira presencial. -

Mateus Pitela

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A equipe Orion Aerospace Design, projeto de extensão da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), irá participar nos próximos dias 5, 6 e 7 de agosto na cidade de Quadra, interior de São Paulo, da Latin America Space Challenge (LASC), a maior competição de engenharia de foguetes e satélites da América Latina. Esta é a segunda vez que a Orion participa desta competição, a primeira vez de maneira presencial.

No ano de 2021 a LASC ocorreu de maneira remota e a equipe conquistou o terceiro lugar dentre equipes do mundo inteiro. Em 2022 a equipe irá para a competição com o ‘Odyssey’, um minifoguete de 3,10 metros com motor de propelente sólido, que irá competir na categoria 3km de apogeu (altura máxima que ele pode atingir). O diferencial da competição desse ano é que cerca 68 equipes e 10 países estarão competindo em diversas categorias.

Bruna Nizer, capitã da equipe contou a redação do Portal aRede que o trabalho dos alunos é totalmente voluntario e que hoje são 83 alunos que integram a equipe da Orion “hoje somos em mais de 80 alunos que trabalham voluntariamente com o projeto, infelizmente com os altos custos dos materiais e construção do foguete e traslado dos alunos iremos em apenas 30 para a competição”, contou Bruna.

Devido aos gastos com a construção do foguete e com outros projetos da Orion, a equipe está promovendo uma ‘vaquinha’ online para arrecadar dinheiro para arcar com a viagem “nós abrimos essa vaquinha para conseguirmos um auxilio para participarmos dessa competição e conseguir levar o foguete, com tudo certinho, conseguir comprar as ultimas peças e materiais que faltavam”, apontou Nizer. Você pode ajudar a equipe clicando aqui.

Sobre a Orion

A Orion Aerospace Design é uma equipe da UTFPR - PG que reúne alunos de graduação e mestrado com o intuito de construir Minifoguetes, Nanosatélites (CubeSats), além de desenvolver cápsulas com monitoramento remoto para serem utilizadas em conjunto com balões meteorológicos. Ademais, a equipe realizará pesquisas em astrobiologia e projetos de extensão universitária juntamente com escolas de nível fundamental e médio.

A missão do projeto é desenvolver, projetar e aplicar tecnologias do ramo aeroespacial, transmitir conhecimento cientifico e tecnológico para a sociedade e despertar interesse pela ciência.

GALERIA DE FOTOS

  • Projeto do motor de propelente sólido
    Projeto do motor de propelente sólido
  • Minifoguete ‘Odyssey’ tem 3,10 metros com motor de propelente sólido
    Minifoguete ‘Odyssey’ tem 3,10 metros com motor de propelente sólido
  • Minifoguete ‘Odyssey’ tem 3,10 metros com motor de propelente sólido
    Minifoguete ‘Odyssey’ tem 3,10 metros com motor de propelente sólido