Sandro recebe secretário nacional dos Portos

Líder da pasta de Infraestrutura e Logística esteve com Diogo Piloni durante a manhã desta quinta (7). Estado pede maior autonomia para gestão portuária.

Paranaguá é o primeiro porto brasileiro visitado pela nova equipe da Secretaria Nacional de Portos (SNP), órgão vinculado ao Ministério da Infraestrutura, responsável pela gestão dos complexos marítimos do país. O secretário Diogo Piloni esteve no Paraná nesta quinta-feira (7) para conhecer a estrutura física e o planejamento de obras e ações para os próximos anos.

De acordo com o secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná, Sandro Alex, a visita é importante para o processo de delegação de competências, já que o Governo do Estado protocolou no último mês um pedido para que o ministério dê maior autonomia para a gestão local e descentralize algumas atribuições.

“Nossa intenção é receber o anúncio de delegação a Paranaguá ainda no primeiro semestre deste ano, comprovando o alto nível técnico da administração paranaense”, disse o secretário estadual.

“O pedido do Paraná está sendo avaliado, mas está alinhado com nossa ideia de descentralização de poder e autonomia na gestão. As administrações portuárias estão mais perto dos problemas e das necessidades específicas de cada local, além de ter contato próximo com potenciais investidores”, explicou Piloni.

O secretário nacional de Portos acrescentou que o terminal paranaense é destaque nacional e reconhecido como exemplo de boa gestão. “Temos a convicção que a nova administração contribuirá muito para que os Portos do Paraná continuem na vanguarda”.

A possibilidade de delegação considera a portaria 574, publicada em 26 de dezembro de 2018, pelo antigo Ministério dos Transportes. O Índice de Gestão da Autoridade Portuária (IGAP) mede 15 indicadores diferentes de desempenho, que podem ser usados para atestar a capacidade de gerencia dos portos. São indicadores financeiros, contábeis, de transparência administrativa, regularidade tributária e trabalhista, além da manutenção dos acessos aquaviários.

Segundo o secretário nacional, em uma escala que vai até dez, uma nota superior a 6 pontos pode passar para as administrações o direito de elaborar editais, realizar licitações para o arrendamento de terminais e fiscalizar a execução dos contratos. Uma nota acima de 8 permitiria ainda fazer o reequilíbrio econômico dos contratos, negociar prorrogações antecipadas mediante novos investimentos e deliberar sobre expansão da área arrendada. A expectativa paranaense é receber uma nota acima de 9,5 pontos.

Parceria

De acordo com o diretor-presidente dos Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, o relacionamento com o Governo Federal deve ser marcado pela confiança e trabalho conjunto. “Eu conheço bem a equipe da Secretaria Nacional de Portos e tenho convicção que podemos, juntos, fazer um trabalho que gere crescimento para todo o setor produtivo brasileiro”, disse.

Garcia salientou que os Portos do Paraná têm localização geográfica estratégica e oferecem as melhores soluções de negócios para os mercados nacional e internacional.

Arrendamentos

O grupo discutiu ainda o programa de arrendamentos de duas áreas no Porto de Paranaguá, uma destinada à movimentação de carga geral, principalmente papel e celulose, e outra de carga ro-ro (veículos). O edital deve ser lançado em março.

“Estas áreas foram ofertadas no ano passado e agora alguns termos foram revistos pelo Ministério da Infraestrutura. Também conversamos sobre o planejamento para 2019 e possíveis áreas que terão de ser licitadas”, explicou o diretor-presidente dos Portos do Paraná.

Mais presídios e penas rigorosas

Mais presídios e penas rigorosas...

PG gera mais de mil vagas de emprego no quadrimestre

PG gera mais de mil vagas de emprego no quadrimestre...

Algumas considerações sobre alienação parental

Algumas considerações sobre alienação parental...

Charge da edição deste fim de semana (25, 26 e 27/05/2019) do JM

Charge da edição deste fim de semana (25, 26 e 27/05/2019) do JM...

Rangel envia à Câmara projeto para assumir bilhetagem

Rangel envia à Câmara projeto para assumir bilhetagem...

Justiça Eleitoral cancela quase 4,4 mil títulos em Ponta Grossa

Justiça Eleitoral cancela quase 4,4 mil títulos em Ponta Grossa...

Capa da edição deste fim de semana (25, 26 e 27/05/2019) do JM

Capa da edição deste fim de semana (25, 26 e 27/05/2019) do JM...

Aliel participa de seminário sobre Previdência no Sindserv

Aliel participa de seminário sobre Previdência no Sindserv...

Fim de semana será de atos pró-Bolsonaro em PG

Fim de semana será de atos pró-Bolsonaro em PG...

Vialaser inaugura loja no Palladium Ponta Grossa

Vialaser inaugura loja no Palladium Ponta Grossa...

Receita Federal realiza leilão de veículos apreendidos

Receita Federal realiza leilão de veículos apreendidos...

PG recebe Dia D do Feirão do Imposto neste sábado

PG recebe Dia D do Feirão do Imposto neste sábado...

Obras interrompem abastecimento de água em PG

Obras interrompem abastecimento de água em PG...

Pequeno Anjo terá atendimento médico gratuito

Pequeno Anjo terá atendimento médico gratuito...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS