Parabéns aos Contadores e palmas à Ciência Contábil

Por Zulmir Breda

O Dia do Contador, comemorado em 22 de Setembro, além de homenagear uma classe hoje composta por cerca de 350 mil, entre contadores e contadoras, presta tributo ao dia da criação oficial dos cursos universitários de Ciências Contábeis no Brasil. Instituído pelo Decreto-Lei nº 7.988, de 22 de setembro de 1945, o ensino superior para os profissionais da contabilidade é um marco na evolução da profissão e da Ciência Contábil no País.

O status presente da nossa profissão, com sua expertise técnica e ampla bagagem de conhecimentos, é resultante de aspectos sociais, econômicos e políticos de um passado que nos conduziu até aqui. De geração a geração, ancorada na Ciência Contábil, a profissão se desenvolveu e foi capaz de se reinventar quando necessário, como diante de recentes inovações tecnológicas incrementais ou disruptivas.

Neste 22 de Setembro, comemoramos 75 anos desde a assinatura do decreto-lei pelo presidente Getúlio Vargas. Há relatos diversos na literatura que trata da evolução do ensino de Ciências Contábeis, mas alguns dos primeiros cursos universitários instalados foram o da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e o da Universidade de São Paulo (FEA-USP).

Para ser mais exato, o Decreto-Lei nº 7.988/1945 criou o ensino superior de Ciências Econômicas e de Ciências Contábeis e Atuariais. Até essa época, os cursos de contabilidade não tinham nível universitário e eram ministrados em escolas de comércio desde o início do século XX. No entanto, nossos precursores se queixavam de que a profissão, tida como de conhecimento empírico, gozava de pouco prestígio em relação a outras de grau de educação superior.

Um passo importante na história do ensino ocorreu em 1924, quando foi realizado o 1° Congresso Brasileiro de Contabilidade e foram lançadas as bases da campanha pela regulamentação da profissão e pela reforma do ensino comercial no Brasil. Duas décadas de luta foram necessárias, culminando com as assinaturas d

A partir daí, o desenvolvimento da profissão passou a seguir um curso constante, no sentido de aumentar a cultura geral dos contadores, de provocar a evolução do pensamento contábil e de expandir as pesquisas e os conhecimentos científicos.

O curso de Ciências Contábeis e Atuariais, em sua primeira versão, contou com grade curricular que tinha as disciplinas de Contabilidade Geral; Organização e Contabilidade Industrial e Agrícola; Organização e Contabilidade Bancária; Organização e Contabilidade de Seguros; Contabilidade Pública; e Revisões e Perícia Contábil.

Simultaneamente, alguns fatos da história do Brasil passaram a exigir mais dos contadores. Na década de 1960, por exemplo, a edição da Lei de Finanças Públicas – nº 4.320/1964, que teve participação de renomados contadores na sua formulação, a Lei da Reforma Bancária – nº 4.595/1964; e a Lei do Mercado de Capitais – nº 4.728/1965 foram decisivas para a evolução do ensino e do exercício profissional.

O surgimento da auditoria como prerrogativa exclusiva dos contadores foi outro fato verificado no mercado de trabalho que exigiu que o ensino se aperfeiçoasse. Ainda, um rápido salto no desenvolvimento da profissão contábil ocorreu com a publicação da Lei das Sociedades Anônimas (nº 6.404/1976) e com a criação da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) pela Lei nº 6.385/1976.

Enquanto isso, o ensino chegava à sua maturidade. Um dos primeiros núcleos de pesquisa contábil criado no País, em 1946, a Faculdade de Ciências Econômicas e Administrativas da Universidade de São Paulo, mais tarde denominada Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA/USP), foi pioneira, nos anos 1970, em criar a pós-graduação stricto sensu (mestrado) em Controladoria e Contabilidade. Na mesma década, foi criado o Programa de Mestrado em Ciências Contábeis da Fundação Getúlio Vargas, no Rio de Janeiro. Já o primeiro Programa de Doutorado em Contabilidade foi implantado em 1978 na FEA/USP.

A valorização da profissão contábil seguiu ancorada nos acontecimentos econômicos e políticos nacionais e superou, com o fortalecimento da Ciência Contábil, a escassez de prestígio da profissão de outrora. Prova disso é que os jovens começaram a se interessar mais e mais pelo curso de Ciências Contábeis.

Dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep) mostram que, entre os dez maiores cursos de graduação do Brasil – em relação ao número de matrículas, de ingressantes e de concluintes –, no período de 2009-2018, o curso de Ciências Contábeis aparece em quarto lugar, atrás apenas de Direito, Administração e Pedagogia. Em 2018, houve mais de 350 mil matrículas nos 1.489 cursos de Ciências Contábeis, oferecidos por 1.104 Instituições de Ensino Superior (IES).

Em relação à pós-graduação, atualmente, há 37 cursos de mestrado e 15 de doutorado em Contabilidade.

Em homenagem às contadoras e aos contadores pelo seu Dia, faço questão de cultivar a lembrança de uma parte da história da Contabilidade: a trajetória do ensino e a evolução da Ciência Contábil. Das sementes plantadas pela Família Real Portuguesa para o ensino comercial e de contabilidade no Brasil, em 1808, aos dias atuais, orgulha-nos ver a profissão que abraçamos, repleta de profissionais com conhecimentos técnicos e competências intelectuais para atender às demandas heterogêneas da sociedade e da economia brasileiras.

Zulmir Breda é Presidente do Conselho Federal de Contabilidade

Novo shopping de PG começa obras nesta semana

Novo shopping de PG começa obras nesta semana...

Acidente com três veículos acaba com motorista preso

Acidente com três veículos acaba com motorista preso...

Homem é encontrado morto dentro de casa na região

Homem é encontrado morto dentro de casa na região...

Operação no PR combate pornografia infantil na internet

Operação no PR combate pornografia infantil na internet...

Homem morre atropelado por trem no Boa Vista

Homem morre atropelado por trem no Boa Vista...

Rapaz bate a cabeça em pedra dentro de rio e fica ferido

Rapaz bate a cabeça em pedra dentro de rio e fica ferido...

Projeto social realiza reforma de casa em ação beneficente

Projeto social realiza reforma de casa em ação beneficente...

Evento discute necessidades das indústrias paranaenses

Evento discute necessidades das indústrias paranaenses...

Tribunal determina fim da greve dos Correios

Tribunal determina fim da greve dos Correios...

Krum sinaliza diminuição de casos da Covid em outubro

Krum sinaliza diminuição de casos da Covid em outubro...

Confira seu horóscopo para esta Segunda-feira (21/09)

Confira seu horóscopo para esta Segunda-feira (21/09)...

Carambeí terá quatro postulantes à Prefeitura em 2020

Carambeí terá quatro postulantes à Prefeitura em 2020...

Rede particular de PG e região perde mais de 680 alunos

Rede particular de PG e região perde mais de 680 alunos...

Voepass amplia rotas e PG terá conexão com Foz

Voepass amplia rotas e PG terá conexão com Foz...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS