PUBLICIDADE

Mulher morre após ter corpo queimado dentro de carro no Paraná

O marido dela é o principal suspeito de atear fogo no carro e está preso.

O marido dela é o principal suspeito de atear fogo no carro e está preso
O marido dela é o principal suspeito de atear fogo no carro e está preso -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Simone Pinheiro de 31 anos, morreu no sábado (24), ela estava internada no hospital. No dia anterior, ela teve 70% do corpo queimado após o carro em que ela estava pegar fogo na zona rural de Pinhão, município da região Centro-Sul do Paraná. O marido dela é o principal suspeito de atear fogo no carro e está preso.

Simone ainda chegou consciente ao hospital e disse a equipe médica que tinha sido seu marido o autor do incêndio ao carro.

A mulher recebeu socorro do Samu e chegou consciente ao hospital, onde relatou à médica de plantão que tinha sido o marido de Simone, de 47 anos, que ateou fogo ao carro após eles discutirem. A Polícia Militar foi chamada ao hospital, ouviu o relato e prendeu o marido de Simone em seguida.

Com a morte da esposa, ele responderá por feminicídio. A vítima vinha recebendo ameaças do suspeito.

Simone deixou três filhos: uma menina de 11 e um adolescente de 16 anos de outro relacionamento, além de um menino de cinco anos do casamento com o suspeito.

Com Informações; Maringá Na Hora

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE