PUBLICIDADE

Crianças morrem carbonizadas durante incêndio

As meninas, uma de 2 anos e uma de 6 meses, estavam em um quarto que não tinha energia elétrica, por isso contava com a iluminação de uma vela

Os corpos de Gabriela e Juliana foram levados para o Instituto Médico Legal
Os corpos de Gabriela e Juliana foram levados para o Instituto Médico Legal -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Um incêndio em uma residência provocou a morte de duas crianças, uma de 2 anos e uma de 6 meses, na noite de segunda-feira (12), em Nerópolis, Goiás. Conforme as informações da família, elas estavam em um quarto na parte externa, que não tem energia elétrica. O local contava com a iluminação de uma vela, que caiu e ocasionou o incêndio. 

Equipes do Corpo de Bombeiros se mobilizaram para atender a ocorrência. A corporação informou que as chamas se espalharam rapidamente pelo imóvel.  A mãe alegou que cozinhava dentro de casa enquanto as três filhas estavam no cômodo externo. Assim que o fogo começou, outra filha correu para avisar a mulher.

Na sequência, de acordo com os bombeiros, a mãe tentou salvar as outras duas filhas, identificadas como Gabriela da Silva Ferreira e Juliana da Silva Ferreira, e controlar as chamas com balde d'água. Vizinhos também foram para o local para auxiliar a mulher, porém, não conseguiram resgatar as meninas com vida.

Assim que o Corpo de Bombeiros chegou no local, se depararam com um pequeno foco de incêndio e muita fumaça no ambiente. Eles combateram o fogo que restava no cômodo e confirmaram que as duas crianças já estavam carbonizadas.  O bombeiro contou que, possivelmente, o fogo se espalhou muito rápido porque o cômodo tinha duas camas, um berço e muita roupa. Os corpos de Gabriela e Juliana foram levados para o Instituto Médico Legal de Goiânia e ainda serão liberados depois de concluída a perícia.

Com informações do Metrópoles.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE