PUBLICIDADE

Aparelho promete avisar chegada do fim do mundo uma hora antes

Dispositivo pode ser uma ótima ferramenta para prever desastres naturais

Dispositivo pode ser uma ótima ferramenta para prever desastres naturais
Dispositivo pode ser uma ótima ferramenta para prever desastres naturais -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Eficiente em detectar e comunicar instantaneamente mudanças ambientais, a internet das coisas (IoT) pode ser uma ótima ferramenta para prever desastres naturais. No mês passado, um anúncio de brincadeira de um novo dispositivo imaginário – chamado Exaluminal – levou o conceito a outro nível ao anunciar a possibilidade de notificar, com até uma hora de antecedência, a possibilidade de a Terra ser destruída por uma supernova.

Definida no site do produto como uma “explosão cataclísmica de uma estrela massiva no final de sua vida", a supernova é um fenômeno que ocorre duas a três vezes por século em galáxias como a Via Láctea.

A boa notícia é que dispositivo não passa de uma piada, um detalhe importante para quem leu essas informações até aqui, visto que a aplicação seria totalmente inútil para quem recebesse o alarme, mas plenamente possível para a IoT.

Os especialistas envolvidos no desenvolvimento do Exaluminal explicam que a quantidade de energia emitida por uma supernova em poucos segundos é maior do que o nosso Sol irradiará em toda a sua vida de bilhões de anos.

Como funcionaria o Exaluminal?

O colapso do núcleo de uma supernova pode emitir cerca de 1058 neutrinos. Assim que se conecta à sua rede, o Exaluminal passa a receber informações do serviço Extraluminal que consegue determinar a produção dessas partículas subatômicas, interligando meia dúzia de observatórios – como o Super-Kamiokande do Japão – para um acompanhamento constante.

Assim que uma supernova local é detectada, o Exaluminol aciona um alarme de forma eficiente, porém discreta: ele se conecta aos seus alto-falantes inteligentes, como a Alexa, para reproduzir automaticamente a música "It's The End Of The World As We Know It", da banda norte-americana R.E.M.

Informações do TecMundo

Conteúdo de marca

Quero divulgar right