PUBLICIDADE

Chociai quer audiência pública para discutir novo Plano Diretor

Após a realização das audiências públicas, o Legislativo terá uma base sólida para colocar os projetos em votação no plenário

Filipe Chociai e Rafael Mansani discutiram temas com relação ao Plano Diretor, na última semana
Filipe Chociai e Rafael Mansani discutiram temas com relação ao Plano Diretor, na última semana -

O presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa (CMPG), Filipe Chociai (PSD), reuniu-se com o Diretor Executivo do Instituto de Planejamento e Pesquisa (IPLAN) de Ponta Grossa, Rafael Mansani, e outros representantes da Prefeitura Municipal para alinhar as ações entre o Legislativo e o Executivo. O foco da reunião foi iniciar um diálogo que visa a resolução de questões estratégicas relacionadas ao planejamento efetivo, abrangente e adequado da cidade de Ponta Grossa, através do Plano Diretor Municipal. Esse diálogo também está alinhado com a agenda legislativa em curso, que pretende reformar e modernizar as políticas públicas da cidade, alinhando-as com a nova perspectiva de planejamento e avaliação da Política Urbana ponta-grossense, resultante deste processo de cooperação e alinhamento entre as instituições.

Diante disso, já está em andamento a notificação do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Ponta Grossa (CDEPG) sobre os próximos passos a serem adotados. Com o apoio do IPLAN e da Secretaria de Infraestrutura e Planejamento, a Câmara realizará um diagnóstico detalhado da atual situação, identificando prioridades e desenvolvendo um plano de ação. Em seguida, Filipe Chociai afirma que serão realizadas audiências públicas para deliberar sobre o tema e incorporar o feedback da comunidade.

Entre os projetos em análise, o PL 485 passou por uma audiência pública, mas recebeu emendas posteriores. Já os PLS 515 e 516 ainda não foram submetidos à comunidade através de audiências públicas.

Segundo o presidente da Câmara, após a realização das audiências públicas, o Legislativo terá uma base sólida para colocar os projetos em votação no plenário, garantindo que todas as questões tenham sido esclarecidas e analisadas detalhadamente. "Espera-se que essas ações resultem na efetivação de uma nova perspectiva realista e alinhada com o Plano Diretor, para que ele seja compreendido, estruturado e efetivado corretamente na prática, promovendo um desenvolvimento urbano e econômico sustentável e eficaz para a cidade de Ponta Grossa", ressalta.

Com informações da assessoria

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

MAIS DE POLÍTICA

HORÓSCOPO

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

DESTAQUES

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

MIX

HORÓSCOPO

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE