Justiça Eleitoral cancela quase 4,4 mil títulos em Ponta Grossa

Medida atinge eleitores que não votaram ou não justificaram ausência em três eleições consecutivas. Situação pode ser regularizada no cartório eleitoral.

A Justiça Eleitoral fechou nesta sexta-feira (24) a relação das pessoas que tiveram o título de eleitor cancelado por ausência aos três últimos pleitos. Cada turno é contabilizado como uma eleição, bem como pleitos suplementares realizados. No total, foram cancelados 2,4 milhões de títulos, sendo 292,6 mil na região Sul.

Em Ponta Grossa, a Justiça Eleitoral cancelou 4.394 títulos. O município contava com 4.655 eleitores em situação irregular, que necessitavam quitar pendências judiciais para não perder o documento. Destes, apenas 4,9% regularizaram a situação (228 eleitores).

Para saber se o título foi cancelado, basta que o eleitor consulte a situação no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na área de “Serviços ao Eleitor – Situação eleitoral – consulta por nome ou título”. Caso prefira, ele também pode comparecer a qualquer cartório eleitoral com um documento de identificação com foto.

O estado de São Paulo lidera o número de cancelamentos, com 674,5 mil títulos cancelados; seguido do Rio de Janeiro, com 299,1 mil; de Minas Gerais, com 226,7 mil; do Rio Grande do Sul, com 120,1 mil; e do Paraná, com 107,8 mil.

Entre as capitais, a cidade de São Paulo (SP) também encabeça o ranking, com 199,1 mil documentos cancelados. Em seguida, estão o Rio de Janeiro (RJ), com 126,2 mil; Goiânia (GO), com 39,8 mil; Manaus (AM), com 36,3 mil; Curitiba (PR), com 35,5 mil; e Brasília (DF), com 35 mil. A cidade de Belém, capital do Pará, teve apenas 12 títulos de eleitor cancelados.

Quem teve o título cancelado deverá pagar uma multa e, em seguida, poderá fazer a regularização da sua situação no seu cartório eleitoral, levando documento de identificação oficial original com foto, comprovante de residência e o título, se ainda o possuir. A regularização do título eleitoral cancelado somente será possível se não houver nenhuma circunstância que impeça a quitação eleitoral, como omissão de prestação de contas de campanha e perda ou suspensão de direitos políticos, por exemplo.

Eleitor sem título pode enfrentar problemas

O eleitor que teve o documento cancelado poderá ser impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e contrair empréstimos em qualquer estabelecimento de crédito mantido pelo governo. A irregularidade também pode gerar dificuldades para inscrição, investidura e nomeação em concurso público; renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo; e obtenção de certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado, entre outras.

Imóvel pequeno ganha amplitude com integração de ambientes

Imóvel pequeno ganha amplitude com integração de ambientes...

Duster ganha novo design e tecnologias na linha 2021

Duster ganha novo design e tecnologias na linha 2021...

Confira a coluna RC deste Sabado (14/03)

Confira a coluna RC deste Sabado (14/03)...

Confira seu horóscopo para este Sábado (14/03)

Confira seu horóscopo para este Sábado (14/03)...

Cidade cenográfica de “Imperador” tem mais de 8 mil metros quadrados

Cidade cenográfica de “Imperador” tem mais de 8 mil metros quadrados...

Capa da edição deste fim de semana (14, 15 e 16/03/2020) do JM

Capa da edição deste fim de semana (14, 15 e 16/03/2020) do JM...

Charge da edição deste fim de semana (14, 15 e 16/03/2020) do JM

Charge da edição deste fim de semana (14, 15 e 16/03/2020) do JM...

As pandemias: uma questão de política ambiental

As pandemias: uma questão de política ambiental...

Alerta dos construtores

Alerta dos construtores...

Lojas do Palladium terão descontos de até 90% no ‘Dia do Consumidor’

Lojas do Palladium terão descontos de até 90% no ‘Dia do Consumidor’...

Novo Plano Diretor pode elevar preço de imóveis populares

Novo Plano Diretor pode elevar preço de imóveis populares...

Sebrae fortalece o empreendedorismo feminino em PG

Sebrae fortalece o empreendedorismo feminino em PG...

Ponta Grossa necessita de um Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social

Ponta Grossa necessita de um Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social...

UEPG orienta comunidade acadêmica sobre Covid-19

UEPG orienta comunidade acadêmica sobre Covid-19...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS