Restauro de livros na UEPG traz trabalho a presos

O trabalho no Hospital de Livros garantiu a remissão de parte da pena em regime fechado

"Trabalhar com livros me traz liberdade". É com brilho nos olhos que William fala sobre livros, arte e ilustrações. Ele é um dos detentos que trabalha na UEPG para remição de pena, a partir de uma parceria com o Departamento Penitenciário do Estado do Paraná.

Na biblioteca da UEPG, William está aprendendo um ofício que une o que ele já gostava de fazer com uma possível atuação profissional depois de cumprir sua pena: a restauração de livros. Com a orientação de Benjamin dos Santos Rego, servidor da UEPG que já atuou no restauro de livros, ele está aprendendo a recuperar capas, fazer costuras, encadernações e outros reparos. E presta atenção em cada lição: o caderno de anotações já é um manual de restauração, com desenhos caprichados e descrições detalhadas do passo-a-passo de cada procedimento. Além da biblioteca, ele também trabalha três dias por semana no Museu Campos Gerais, onde aprende a conservar o acervo de livros, documentos, fotografias e negativos.

"Os livros mudaram minha vida. Chegou um dia em que entrei na cela e percebi que não me encaixava mais naquele ambiente. Minha cabeça era outra", conta o detento, que cumpre pena por tráfico de drogas. "Quero que minha filha pense em mim como o pai que desenha, que restaura livros".

Quando ainda estava no regime fechado, William já participava, desde 2016, do "Hospital de Livros", projeto do Instituto Pegaí na Penitenciária Estadual de Ponta Grossa (PEPG). O espaço é uma espécie de oficina, em que os detentos recuperam livros danificados para retornar à circulação gratuita. "Quando não dava para aproveitar a capa, a gente colocava uma capa branca, de cartolina. E eu achava que ficava sem vida, sem graça. Quem ia pegar um livro sem capa para ler?", conta William.

Foi aí que ele resolveu unir a ilustração, dom que já tinha, com os livros, com os quais ainda não tinha tido muito contato. "Peguei um livro e virei a noite lendo, até terminar. Queria entender a história para poder fazer uma capa que contasse mesmo sobre o que é o livro", diz o ilustrador.

O trabalho no Hospital de Livros garantiu a remissão de parte da pena em regime fechado. Neste ano, William foi transferido para a Unidade de Progressão da PEPG, que é uma unidade penal em que os detentos têm a oportunidade de retornar ao convívio social por meio do estudo e do trabalho.

Como conta o professor Rauli Gross Junior, chefe de gabinete da reitoria da UEPG e idealizador da parceria entre a universidade e o Depen, são dez detentos contratados pela universidade neste ano. Ele ressalta que a parceria vai além da utilização da mão de obra dos detentos: a UEPG busca capacitar para o mercado de trabalho e para a reinserção na comunidade. "O detento que trabalha na universidade consegue ter um contato próximo com a comunidade, que facilita a ressocialização, além de poder se capacitar em áreas específicas de acordo com suas aptidões, como é o caso do William", aponta Rauli.

A oportunidade de aprender é um ponto destacado por Eunice Novaes, diretora da Biblioteca Central Professor Faris Michaele (Bicen). "O trabalho de acolhida é muito importante. Procuramos dar oportunidade para que ele desenvolva suas aptidões e aprenda cada vez mais para o retorno ao convívio social", conta.

A demanda pela restauração é constante nas bibliotecas da universidade, conta Eunice. São milhares de livros que circulam e, consequentemente, precisam de reparos frequentes. Mais trabalho para o William - ou, melhor dizer, mais liberdade.

Com ritmo forte música eletrônica vai balançar PG

Com ritmo forte música eletrônica vai balançar PG...

‘Capora’ vive para frustrar atividades de caçadores

‘Capora’ vive para frustrar atividades de caçadores...

Tite convoca a Seleção para amistosos de setembro

Tite convoca a Seleção para amistosos de setembro...

Creas organiza passeios em pontos turísticos

Creas organiza passeios em pontos turísticos...

Confira o seu horóscopo para este sábado (17/08)

Confira o seu horóscopo para este sábado (17/08)...

UEPG refaz calendários e aulas recomeçam segunda

UEPG refaz calendários e aulas recomeçam segunda...

PG recebe Congresso Nacional de Engenharia e Tecnologia

PG recebe Congresso Nacional de Engenharia e Tecnologia...

Coluna RC deste sábado (17/08)

Coluna RC deste sábado (17/08)...

Vagas na Agência do Trabalhador para segunda-feira (19/08)

Vagas na Agência do Trabalhador para segunda-feira (19/08)...

Carro bate de frente com caminhão e deixa um morto

Carro bate de frente com caminhão e deixa um morto...

Nutrição do Cescage obtém nota 4 em avaliação do MEC

Nutrição do Cescage obtém nota 4 em avaliação do MEC...

Sanepar e Prolar ajudam famílias de baixa renda

Sanepar e Prolar ajudam famílias de baixa renda...

Carambeí terá nova ação de combate à Febre Amarela

Carambeí terá nova ação de combate à Febre Amarela...

Justiça obriga prefeito a decidir pelo reajuste de água em PG

Justiça obriga prefeito a decidir pelo reajuste de água em PG...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS