PUBLICIDADE

Pelé parabeniza Messi e Argentina pelo tri: 'Diego está sorrindo agora'

O ex-craque brasileiro parabenizou o atacante Lionel Messi, principal destaque da seleção alviceleste

O ex-craque brasileiro parabenizou o atacante Lionel Messi, principal destaque da seleção alviceleste
O ex-craque brasileiro parabenizou o atacante Lionel Messi, principal destaque da seleção alviceleste -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

O Rei Pelé se manifestou neste domingo, 18, em sua conta no Instagram logo após a Argentina conquistar o tricampeonato mundial na Copa do Catar ao vencer a França na final, nos pênaltis (3 a 3 nos 120 minutos e 4 a 2 nas penalidades.

O ex-craque brasileiro parabenizou o atacante Lionel Messi, principal destaque da seleção albiceleste.

"Hoje o futebol continuou a narrar a sua história, como sempre, de forma apaixonante. @leomessi vencendo sua primeira Copa do Mundo, como era merecido por sua trajetória".

Pelé também lembrou de Kylian Mbappé, que marcou três gols durante os 120 minutos e converteu sua cobrança na decisão por pênaltis.

"Meu querido amigo, @k.mbappe, marcando quatro gols em uma final", disse ele, sobre o jogador que com isso igualou o brasileiro na história das Copas, com 12 gols marcados.

"Que presente foi assistir a este espetáculo ao futuro do nosso esporte. E não poderia deixar de parabenizar ao Marrocos, pela campanha incrível. É muito bom ver a África brilhar. Parabéns, Argentina! Certamente Diego está sorrindo agora", disse ele, lembrando de Maradona, que faleceu em novembro de 2020.

Edson Arantes do Nascimento, de 82 anos, foi internado no hospital Albert Einstein em São Paulo em 29 de novembro para uma reavaliação do seu tratamento de quimioterapia contra o câncer de cólon, identificado no ano passado.

Na segunda-feira passada, 12, os médicos informaram que o "Rei do Futebol" registrou uma melhora mas ainda não possui previsão para receber alta.

Com informações, O Povo

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE