Excesso de chuvas afeta produção de trigo na região

Quando há alta umidade na hora da colheita, há a perda de qualidade e a germinação do grão na espiga


Até o dia 20 de outubro, o volume de chuvas no acumulado do mês já tinha superado os 200 milímetros na região dos Campos Gerais. Esse valor, 35% maior que o esperado para todos os 31 dias do mês (150 mm), impactou negativamente em algumas áreas agrícolas, especialmente aquelas mais ao norte da regional, onde o trigo já estava pronto para ser colhido. O momento mais sensível do cultivo é justamente esse, já que há uma curta janela para fazer a retirada do campo, a partir do momento que ele estiver pronto para a colheita. E o excesso de chuvas, que molha as plantas e deixa o solo encharcado, impede a retirada, trazendo a queda na qualidade ou até perda, em alguns casos. 

“Alguma coisa perdeu em Arapoti, em Tibagi, mas felizmente o tempo melhorou desde sexta-feira (19). Não deu colheita na sexta-feira, mas no sábado em algumas áreas foi possível colher e no domingo conseguiram entrar com as máquinas no campo”, informa Luiz Alberto Vantroba, economista do núcleo regional do Departamento de Economia Rural (Deral), que é vinculado à Secretaria de Estado de Agricultura e Abastecimento (Seab). Embora o tempo tenha ficado mais estável até terça-feira, nesta quarta mais uma vez o clima não contribuiu – e o Simepar prevê chuvas até sexta-feira, o que pode trazer mais redução na produção e na qualidade do trigo. 

Até o momento, explica o profissional do Deral, cerca de 30% do trigo foi colhido, e essa janela de retirada do cultivo do campo segue até o dia 15 de novembro. São, portanto, mais três semanas, porém o momento da maturação depende do momento em que o trigo foi plantado. “Há umas duas semanas, o pessoal começou acolher, mas teve que interromper em função das chuvas na semana passada. O pessoal aproveitou esses últimos dias para fazer a colheita e deixar a colheita mais ou menos em dia. Não deu para avançar em algumas áreas porque ainda tem áreas verdes, que não no ponto ainda”, relata. Na terça-feira, Vantroba explica que visitou uma área na região onde a colheita avançava a todo o vapor.

Em visitação em uma área nesta terça, Vantroba relatou uma média de 3,5 mil quilos por hectare. “Estavam colhendo bem. E o preço também está bom ao produtor, na faixa dos R$ 850 o disponível”, completa.


Cultivo é sensível na colheita

Para o trigo, a qualidade é fundamental. Seu principal uso é para a produção de farinha, porém se houver muita chuva, ocorre a germinação do grão na espiga ou acaba escurecendo. “Germinando ou escurecendo, fica inviável para a produção de farinha para fins industriais. Aí cai para a ração e o preço é irrisório; Talvez o produtor não chega a colher, porque não viabiliza o custo da hora da máquina”. A partir do momento que estiver pronto para a colheita, dependendo da variedade, explica Vantroba, não pode ficar mais que dois ou três dias sem ser colhido – caso contrário, perde qualidade.




Unicesumar anuncia investimento para expandir o campus em PG

Unicesumar anuncia investimento para expandir o campus em PG...

Frísia é homenageada em comemoração do Sindileite

Frísia é homenageada em comemoração do Sindileite...

Charge da edição desta quinta-feira (21/02/2019) do JM

Charge da edição desta quinta-feira (21/02/2019) do JM...

Capa da edição desta quinta-feira (21/02/2019) do JM

Capa da edição desta quinta-feira (21/02/2019) do JM...

Show Tecnológico termina nesta quinta-feira

Show Tecnológico termina nesta quinta-feira...

O SVO e um novo IML

O SVO e um novo IML...

Os riscos da corrida para aposentadoria provocada pelo temor da reforma

Os riscos da corrida para aposentadoria provocada pelo temor da reforma...

Vencimento da segunda cota do IPVA começa nesta quinta

Vencimento da segunda cota do IPVA começa nesta quinta...

Justiça proíbe Prefeitura de conceder aumento na tarifa do transporte

Justiça proíbe Prefeitura de conceder aumento na tarifa do transporte...

Liminar garante recolhimento de ISS fixo para advogados

Liminar garante recolhimento de ISS fixo para advogados...

Rangel quer ampliar autonomia do CMT sobre reajuste da tarifa

Rangel quer ampliar autonomia do CMT sobre reajuste da tarifa...

Paraná quer incluir rodovias estaduais em concessão federal

Paraná quer incluir rodovias estaduais em concessão federal...

Polícia Civil prende dupla suspeita de matar irmãos

Polícia Civil prende dupla suspeita de matar irmãos...

Em Brasília, Ratinho Junior destaca união entre estados

Em Brasília, Ratinho Junior destaca união entre estados...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS