Governo do Estado envia projeto de ‘Compliance’ à Alep

Projeto de lei foi entregue ao líder do governo, Hussein Bakri (PSD), que encaminhou à Assembleia Legislativa. Paraná será o primeiro Estado a contar com programa.

O Governo do Paraná elaborou um projeto de lei que institucionaliza o Programa de Compliance e Integridade na administração pública estadual. A mensagem foi entregue nesta terça-feira (12) ao deputado Hussein Bakri, líder do governo, que encaminhou a proposta na Assembleia Legislativa. O projeto de lei já iniciou a tramitação.

O vice-governador Darci Piana explicou que o projeto de lei configura a vontade do Governo de que todas as esferas da administração estadual adotem protocolos de integridade como demonstração pública de respeito aos paranaenses. “O Estado do Paraná terá o Compliance como expressão da vontade de fazer as coisas com correção”, afirmou.

Piana também destacou que o Paraná será o primeiro Estado do país a adotar essa prática. “Vamos implementar essa metodologia em todas as secretarias”, completou o chefe da Casa Civil, Guto Silva. Segundo ele, o propósito da media é adotar práticas que evitem atos e ações “que possam significar desvios de conduta, desvios de processos administrativos e corrupção”.

O chefe da Casa Civil afirmou que o programa cria protocolos e fluxos a serem seguidos por todos os secretários e servidores. “Tem um ganho a médio e longo prazo pedagógico, cultural e efetivo para o Estado do Paraná”, reforçou Guto Silva.

Controle

O controlador-geral do Estado, Raul Siqueira, idealizador do projeto, explicou que a determinação do governador Carlos Massa Ratinho Junior foi elaborar uma lei que torne as normas de Compliance uma política de Estado, assegurando respaldo jurídico às práticas administrativas, transparência, segurança, efetividade e moralidade para todas as ações das secretarias.

Siqueira afirmou que a iniciativa da mensagem de lei é expandir a discussão sobre o tema, agregando sugestões da Assembleia Legislativa. “O programa é uma ferramenta que prevê normas de conduta e conformidade e que vai atingir a administração direta, autárquica e fundacional”, informou.

Segundo o controlador-geral, a proposta foi construída por profissionais de renomado conhecimento e é um compromisso rígido contra desvios de conduta. “Esse programa é um reflexo de políticas internacionais, mas o texto foi pensado para o Paraná. Trabalhamos nas dificuldades do Estado e metodologias da administração pública. Utilizamos todo esse arcabouço para construir um projeto 5.0, com funções, missões e finalidade bem definidas”, destacou.

Respaldo

Siqueira acredita que a sociedade perceberá que essa política trará conformidade aos processos, que serão transparentes, claros e objetivos. “O Compliance vai respeitar os riscos das secretarias e a partir disso adotar controle desses riscos, privilegiando sempre a transparência pública”, afirmou.

Interna

O projeto de lei também prevê uma regulamentação interna que vai impor a todos os processos licitatórios transmissão ao vivo pela internet. A Controladoria-Geral do Estado vai oficializar esse procedimento nos próximos meses.

“Os parceiros e secretários estão imbuídos na necessidade de implementação do programa em todas as áreas. Um dos primeiros pilares, e o mais importante, é o compromisso da alta administração. Sabemos onde queremos chegar, isso é fundamental”, finalizou Siqueira.

Governador em viagem

O governador Ratinho Junior não participou da entrega do documento porque foi convidado pelo presidente Jair Bolsonaro a participar da recepção ao presidente paraguaio Mário Abdo Benítez. Entre os temas da reunião bilateral está a construção da segunda ponte de Foz do Iguaçu com recurso da Itaipu Binacional.

Participações

Participaram da solenidade de entrega do projeto os secretários João Carlos Ortega, de Desenvolvimento Urbano, e Valdemar Bernardo Jorge, de Planejamento e Projetos Estruturantes; Luiz Fernando Garcia, diretor-presidente dos Portos do Paraná; Fabio Cammarota, diretor-presidente do Tecpar; e Jorge Lange, presidente da Cohapar.

Vamos Ler inicia atividades em 2019 com formato consolidado na região

Vamos Ler inicia atividades em 2019 com formato consolidado na região...

Escolas particulares ampliam atuação do Vamos Ler

Escolas particulares ampliam atuação do Vamos Ler...

Ação arrecada 6 toneladas de lixo eletrônico em PG

Ação arrecada 6 toneladas de lixo eletrônico em PG...

Vagas na agência do Trabalhador para esta segunda (25/03)

Vagas na agência do Trabalhador para esta segunda (25/03)...

Confira seu horóscopo para este domingo (24/03)

Confira seu horóscopo para este domingo (24/03)...

Castrolanda cresce 16,1% e faturamento supera R$ 3,3 bi

Castrolanda cresce 16,1% e faturamento supera R$ 3,3 bi...

Rottas investe em obras e realiza projetos sociais em PG

Rottas investe em obras e realiza projetos sociais em PG...

Capa da edição deste fim de semana (23, 24 e 25/03/2019) do JM

Capa da edição deste fim de semana (23, 24 e 25/03/2019) do JM...

Implicância com a PM

Implicância com a PM...

Charge da edição deste fim de semana (23, 24 e 25/03/2019) do JM

Charge da edição deste fim de semana (23, 24 e 25/03/2019) do JM...

A água é um bem inesgotável?

A água é um bem inesgotável?...

Milla visita Bochenek visando informatização da Câmara

Milla visita Bochenek visando informatização da Câmara...

Alunos voltam a se manifestar contra PM no campus da UEPG

Alunos voltam a se manifestar contra PM no campus da UEPG...

Ratinho empossa Beto Preto

Ratinho empossa Beto Preto...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS