Programa da RodoNorte inicia turnê teatral no PR

Campos Gerais

20 de março de 2017 15:29

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Tirol recebe licença para construção de fábrica na região

Julgamento da Vaca do Futuro e divulgação da Campeã Suprema encerram o Agroleite

Unicentro prorroga inscrições para vestibular até domingo

Operação Porto Seguro derruba o crime na região
Vítima de acidente com trem morre após um mês internado
Radialista morre no dia do aniversário e causa comoção
Fim de semana será chuvoso; frio retorna
/Foto: Divulgação/CCR RodoNorte
PUBLICIDADE

‘ A culpa é de quem? ’, espetáculo teatral do programa Caminhos para a Cidadania, inicia suas apresentações no Estado em Ponta Grossa: sessões serão às 10h e 14 horas.

Nesta terça-feira (21), o programa Caminhos para a Cidadania inicia sua série de apresentações teatrais pelo Paraná. Com o espetáculo ‘ A culpa é de quem? ’, a primeira parada da iniciativa realizada pela CCR RodoNorte e Secretarias de Educação de oito cidades do Estado será em Ponta Grossa, no Anfiteatro Eunice Miró Guimarães (Vila Coronel Cláudio). Com apresentações em dois horários, às 10h e 14 horas, as crianças de 4º e 5º ano do ensino fundamental vão participar da primeira atividade oficial do programa em 2017.

Com uma linguagem dinâmica, o espetáculo pretende contribuir para o desenvolvimento de um novo comportamento frente ao desgaste das relações sociais provocado pelo uso equivocado da tecnologia, conscientizando sobre a importância da atenção e do diálogo para o fortalecimento de bases como a família e as amizades. Além de Ponta Grossa, a peça do ‘Caminhos para a Cidadania’, apoiada pela CCR RodoNorte, passará pelas cidades de Carambeí, Castro, Piraí do Sul, Ipiranga, Tibagi, Marilândia do Sul e Califórnia.

Novidade

Em 2017, uma das grandes novidades na apresentação teatral do programa está na acessibilidade: todas as sessões durante a turnê pelo Paraná terão uma interprete de libras e audiodescrição para os alunos que necessitarem deste tipo de apoio. Com isso, as apresentações em Ponta Grossa contarão com a presença dos alunos da Escola Geny Ribas, que atende crianças e adolescentes com deficiência auditiva.

A peça

‘ A culpa é de quem? ’ é um espetáculo teatral infanto-juvenil da CIAVIP que propõe o diálogo entre o mundo real e o virtual, equilibrando o uso da tecnologia com as relações interpessoais sem prejuízos para nenhum deles. A história começa com um inspetor de alunos, que se vê diante de um caso de bullying virtual em sala de aula, enquanto aguarda a chegada da nova professora para apresenta-la à classe. Diante do acontecimento, sugere uma atividade diferente na sala de informática: uma viagem virtual para resgate dos valores perdidos naquele dia. Sugados pelo computador, os alunos deixam de ser usuários externos e se tornam personagens de uma aventura cibernética em que o grupo deve trabalhar unido para desvendar enigmas relacionados a valores humanos.

O programa

O ‘Caminhos para a Cidadania’ é um dos maiores investimentos sociais do Grupo CCR, viabilizado por meio do Instituto CCR e desenvolvido pelas concessionárias nas regiões onde atuam. O programa atua para ampliar o pensamento coletivo e a mudança de comportamento para a preservação do meio ambiente, segurança no trânsito e cidadania.

O programa está presente em mais de 100 municípios nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná. Desde sua criação, em 2002, já atendeu a mais de 2 milhões de alunos e 85 mil educadores da rede pública de ensino; só no Paraná, neste ano, a iniciativa da CCR RodoNorte vai beneficiar mais de 15 mil alunos de oito cidades.

Informações da Assessoria de Imprensa.

PUBLICIDADE
COMENTÁRIOS
AVISO: O portal aRede não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site.
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização