PUBLICIDADE

Operário tem jogo de ‘vida ou morte’ contra o CSA

Fantasma recebe time alagoano neste sábado (27), às 18h30, com promoção de ingressos e pressão pela vitória

Fantasma recebe time alagoano neste sábado (27), às 18h30, com promoção de ingressos e pressão pela vitória
Fantasma recebe time alagoano neste sábado (27), às 18h30, com promoção de ingressos e pressão pela vitória -

Depois de uma semana recheada de expectativa, preparação e tensão em Vila Oficinas, o Operário Ferroviário tem um duelo fundamental na luta contra o rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro neste sábado (27). A partir das 18h30, no Estádio Germano Krüger, o Fantasma, que está abre a zona de rebaixamento no 17º lugar, recebe o CSA (AL), que é o primeiro time fora do Z4 da competição nacional. 

Como a distância entre as duas equipes é de apenas um ponto, uma vitória ponta-grossense nesta 26ª rodada tira o alvinegro da área de descenso e empurra o adversário para as quatro últimas colocações. Antes do último treino da equipe para o duelo contra os alagoanos, o goleiro e capitão Vanderlei falou sobre a semana de trabalhos no Operário. “Foi intensa. É um jogo decisivo para gente, um confronto direto, um jogo que pode mudar a nossa situação no campeonato e por isso teve muita conversa e muito trabalho também”, disse o camisa 1.

Mobilização

Com a importância que o jogo tomou pelo atual cenário da Série B, a mobilização por parte da diretoria e também da torcida operariana foi diferenciada: os ingressos para o duelo deste sábado custam apenas R$ 30 na arquibancada geral e R$ 80 na arquibancada coberta, ambos com direito a meia entrada. Além disso, diversas promoções, como a de um posto de combustíveis que oferecia ingressos para quem abastecesse acima de R$ 150, foram realizadas.

“É claro que a torcida é importante, sabemos que eles vão nos apoiar, mas dentro de campo quem resolve é a gente. Mais do que a preparação em campo, temos que estar bem preparados na parte mental”, alertou Vanderlei em outro trecho da entrevista coletiva.

Dirceu pode ser novidade na zaga

Em relação ao time que entrará em campo no jogo de logo mais, uma das novidades do técnico Matheus Costa no time titular pode ser o zagueiro Dirceu, ex-Londrina, Coritiba e que disputou a última Série D pelo Paraná. O motivo é a preocupação e a falta de consistência do sistema defensivo do Operário ao longo do Brasileirão: o time ‘ostenta’ a marca de pior defesa da competição ao lado do Náutico, com 34 gols sofridos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

MAIS DE ESPORTES

HORÓSCOPO

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

DESTAQUES

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

MIX

HORÓSCOPO

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE