A insegurança abre espaços para oportunistas

Asfixiada pela sensação de impunidade, falta de segurança e principalmente pelo crescimento vertical dos índices de crimes e da violência, a comunidade adota diferentes critérios na tentativa de conseguir uma proteção mínima. Em Ponta Grossa, a criação dos grupos de whats app tem umcrescimento perceptível, muito embora a eficiência deste aplicativo, para este fim, ainda requer melhor avaliação.
Outra prática muito comum em Ponta Grossa, adotada por moradores principalmente nos bairros, é a contratação de autônomos que realizam atividades de vigilância. Este tipo de serviço é realizado com motocicletas ou a pé, mas quem o executa o faz de forma clandestina. Geralmente não possui curso, experiência ou habilidade para a função.
Dados do setor de segurança privada indicam que a clandestinidade cresce no segmento. No Paraná, cerca de 10 mil vigilantes atuam de forma ilegal, sem qualquer tipo de fiscalização. 
É necessário ressaltar que apenas pessoas armadas não bastam para tornar a casa ou condomínio mais seguro. É preciso um projeto de segurança, que inclui análise de risco, normas e procedimentos e plano de contingência, sendo este último típico relativo a situações emergenciais. Esse tipo de planejamento somente as empresas credenciadas costumam fazer, o que não se aplica no caso das clandestinas.
Matéria publicada hoje pelo Jornal da Manhã revela que moradores do Núcleo Costa Rica decidiram contratar uma pessoa para atuar como segurança dentro do ônibus do transporte coletivo, sob a justificativa do aumento da incidência de roubos. Essa atitude assemelha-se à decisão adotada anos atrás por ruralistas, que contratavam ‘capangas’ para proteger suas fazendas das invasões e dos roubos.
Tanto quem contrata como quem executa este tipo de serviço age no arrepio da lei. Geralmente são pessoas oportunistas que objetivam apenas o lucro financeiro. No entanto, essas medidas reforçam a descrença da sociedade em relação ao Estado, que não consegue prover a segurança.

Capa da edição desta quarta-feira (14/08/2019) do JM

Capa da edição desta quarta-feira (14/08/2019) do JM...

Charge da edição desta quarta-feira (14/08/2019) do JM

Charge da edição desta quarta-feira (14/08/2019) do JM...

A corrosão da política

A corrosão da política...

Aliel Machado concorre ao prêmio de melhor deputado

Aliel Machado concorre ao prêmio de melhor deputado...

Empresários pedem retirada de PL sobre bares e faculdades

Empresários pedem retirada de PL sobre bares e faculdades...

PR é pioneiro na autonomia de gestão de áreas dos portos

PR é pioneiro na autonomia de gestão de áreas dos portos...

Celulares no cadeião de PG

Celulares no cadeião de PG...

Estado e União formalizam parceria para nova concessão de rodovias

Estado e União formalizam parceria para nova concessão de rodovias...

Pequenos produtores recebem tratores no Agroleite

Pequenos produtores recebem tratores no Agroleite...

Polícia combate grupo estrangeiro por agiotagem

Polícia combate grupo estrangeiro por agiotagem...

Receita Estadual combate inadimplência no IPVA

Receita Estadual combate inadimplência no IPVA...

Agroleite espera por Ratinho Junior, Bolsonaro e ministra

Agroleite espera por Ratinho Junior, Bolsonaro e ministra...

Vagas na Agência do Trabalhador para quarta-feira (14/08)

Vagas na Agência do Trabalhador para quarta-feira (14/08)...

Itaipu tem maior produtividade da história em julho

Itaipu tem maior produtividade da história em julho...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS