PUBLICIDADE

Tibagi adquire medicamentos com apoio de consórcio estadual

Parceria também contempla a distribuição gratuita, mediante receita médica, para a população tibagiana

Parceria também contempla a distribuição gratuita, mediante receita médica, para a população tibagiana
Parceria também contempla a distribuição gratuita, mediante receita médica, para a população tibagiana -

Parceria também contempla a distribuição gratuita, mediante receita médica, para a população tibagiana

A administração municipal de Tibagi, assim como outras 398 prefeituras paranaenses, faz parte do consórcio ‘Paraná Saúde’, que é responsável pela compra de diversos medicamentos que são utilizados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município. A parceria também contempla a distribuição gratuita, mediante receita médica, para a população tibagiana.

Na cidade, o serviço de compra e distribuição de medicamentos é realizado pela Farmácia Municipal. De acordo com a farmacêutica responsável, Aline de Lima Melco, a compra dos remédios é realizada trimestralmente pelo consórcio e existe o prazo de 30 dias para que cheguem até o município.

“A compra dos medicamentos é feita com recursos federais, estaduais e municipais. Esse período de compra fica aberto por quatro ou cinco dias a cada três meses. Estas datas já são estabelecidas em contrato, e todo o planejamento é feito a partir daí. Quando existem situações com alta demanda inesperada, como a dengue aqui em Tibagi, a população pode sentir a falta de alguns medicamentos”, afirma a farmacêutica que atua pelo município.

Ela disse ainda que a Farmácia Municipal sempre trabalha com um estoque de segurança, que é uma quantidade um pouco maior que o consumo, para casos de demora na entrega ou falta no mercado. A responsável também afirma que outros medicamentos também podem faltar, mas que a população não percebe pois o estoque de segurança é suficiente para atender a demanda.

Porém, em casos de grande aumento de consumo e que não são possíveis de se prever, como o aumento de casos de dengue, o estoque de segurança não foi suficiente para atender toda a demanda.

Com informações da Assessoria de Imprensa

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

MAIS DE CAMPOS GERAIS

HORÓSCOPO

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

DESTAQUES

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

MIX

HORÓSCOPO

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE