Galeria: alunos fazem ‘brigadeiro gourmet’ em Imbituva | A Rede - Aconteceu. Tá na aRede!
Galeria: alunos fazem ‘brigadeiro gourmet’ em Imbituva

Vamos Ler Registro

18 de agosto de 2017 13:21

Dhiego Tchmolo

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Galeria: Internet contribui para pesquisa sobre tecnologia

Galeria: alunos fazem ‘brigadeiro gourmet’ em Imbituva

Galeria: alunos conscientizam sobre abandono de animais

Galeria apresenta peças de roupas com materiais recicláveis
Alunos destacam importância de atividades esportivas
Galeria: Santa Cruz realiza atividades com circo
Crianças aprendem a interpretar as charges publicadas no jornal
PUBLICIDADE

Atividade do 5ºB da Escola Maria Olívia Alves Pontarolo traz fotos da produção, história do chocolate e a receita dessa guloseima para você fazer em casa.

A produção com ‘brigadeiros gourmets’ da Escola Municipal Maria Olívia Alves Pontarolo rendeu uma divertida e deliciosa atividade. Através de conceitos históricos, como a utilização do cacau pelos povos ameríndios, como os incas e maias, houve também o estudo do assunto através da matemática e seu campo de porcentagens. Na galeria acima, confira as fotos que contribuíram para a produção.

Todo o processo foi realizado em junção dos alunos com a professora Simonne Ribeiro Horst, além da colaboração da colaboradora Josania. A atividade surgiu após os alunos declararem que o consumo de chocolates antes de provas contribui na concentração. Assim, o útil e o agradável foram unidos: com uma arrecadação de ingredientes, os estudantes puderam elaborar a saborosa produção.

Clicando aqui você pode conferir a matéria anterior sobre a produção de brigadeiro gourmet produzido na Escola Maria Olívia Alves Pontarolo pelos estudantes do 5ºB. Já neste link, você tem acesso ao blog escolar e o relatório da professora Simonne sobre a atividade. E, abaixo, confira uma descrição produzido pela própria docente referente ao surgimento do chocolate e, claro, a receita para você fazer seu brigadeiro gourmet em casa.

Os textos abaixo são de de autoria da professora Simonne Horst Ribeiro.

Receita do brigadeiro gourmet

1 caixa de leite condensado

3 colheres de cacau em pó

Meia colher de manteiga

1 caixa de creme de leite

Preparo: Coloque numa panela o leite condensado, o cacau em pó e a manteiga em fogo baixo. Mexa bem até a manteiga derreter. Em seguida vá mexendo até o doce começar a desgrudar do fundo da panela. Retire do fogo e acrescente o creme de leite, mexendo bem. Você poderá colocar em potinhos enfeitando com confeitos de sua preferência.

O Chocolate

 “O chocolate é um alimento derivado da amêndoa fermentada e torrada do cacau. Consumido no mundo inteiro, é importante componente da indústria alimentícia, além de ter papel fundamental na economia de vários países do globo. Sua árvore é o cacaueiro, planta típica de clima tropical, que encontra no Brasil um ambiente ideal para o seu cultivo, em especial nas regiões do Espírito Santo e o sul da Bahia, em Ilhéus. O Brasil é o maior produtor de chocolate da América Latina e um dos maiores do mundo ao lado da Costa do Marfim, Gana e Equador. Segundo cientistas, o lar original do cacau ficava nas florestas da região do rio Amazonas, ou na região do Orinoco, na Venezuela. Colombo teve a oportunidade de, durante sua quarta viagem à América, conhecer os grãos de cacau, mas não lhes deu atenção.

Os relatos dão conta de que os primeiros a consumir chocolate regularmente, por volta de 1500 a.C. foram os membros da civilização Olmeca, habitantes dos atuais México e Guatemala. Posteriormente, Maias e Astecas povos da mesma área, desenvolvem o costume de beber chocolate, produto considerado sagrado. As sementes eram torradas e misturadas a iguarias como por exemplo pimenta, uma base de milho fermentado e especiarias, resultando em um sabor bem diferente do que se conhece hoje. Nas cerimônias religiosas, o cacau torrado era servido com especiarias e mel.

É por meio do comércio realizado pelos conquistadores espanhóis que o chocolate chega à Europa, acabando por se difundir pelo mundo todo. No início, é considerado um alimento especial por seu valor nutricional e energético e somente mulheres, sacerdotes e nobres o consumiam em cultos da Igreja Católica. Por volta de 1700 as "Casas de Chocolate" começaram a competir com as "Casas de Café" em Londres.

Com a Revolução Industrial, a invenção de diversas máquinas torna possível a produção em massa, além de fazer com que os produtos ficassem mais baratos. O mesmo acontece com a indústria do chocolate. Gradualmente, o cacau vai se popularizando e se diversificando com a adição de outros ingredientes. Em 1828 o fabricante holandês Conrad van Houtten descobriu um método de extrair a gordura dos grãos de cacau moídos, e transformá-la em manteiga de cacau. O hábito de comer chocolate em pedaços só se tornaria popular 20 anos depois em 1847, quando uma firma inglesa, Fry and Sons, começou a produzir chocolate doce em barras para comer (e não apenas chocolate em pó para beber), misturando o cacau moído com manteiga de cacau e açúcar. Na Suíça finalmente surge à mistura consagrada de chocolate, leite e açúcar, dando origem ao chocolate como conhecido nos dias atuais”.

PUBLICIDADE
COMENTÁRIOS
AVISO: O portal aRede não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site.
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização