Livro impresso ainda é preferência entre jovens

Ponta Grossa

20 de abril de 2017 19:00

Daniel Petroski

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Pista do Aeroporto será reformada até março

Gaeco irá fortalecer investigações independentes

Convênio traz desconto na graduação a servidores

PG estuda a implementação de uma Central de Abastecimento
População já pode votar sobre futuro da Münchenfest
Câmara de PG tem pauta intensa na reta final do ano
Câmara aprova proibição contra queimadas em PG
/Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

No próximo domingo (23) é comemorado o Dia Mundial do Livro. Apesar do avanço da tecnologia e dos livros alcançarem o mundo digital, a maioria dos leitores ainda prefere a leitura nos exemplares impressos. Entre os jovens não é diferente. Um estudo publicado pela American University no início deste ano comprova que 92% dos jovens preferem o livro impresso.

A escritora ponta-grossense e publicitária, Ana Rezende, conta que a paixão pela leitura começou quando criança, depois que ganhou um livro de presente do pai, ela ainda lembra do título - “Os Sete do André Vianco”. Assim como os jovens da pesquisa, Ana declara que sempre preferiu o impresso, mesmo depois que surgiram os e-books. “Me sinto mais perto dos personagens e do ambiente da leitura. Gosto de sentar na frente de uma janela e ter esse contato com o papel, folhear o livro e sentir o cheirinho dele novo e principalmente dele usado quando comprado em sebos. Aprendi a ler no papel e acho que a literatura para mim sempre será esse gosto do tato e de ver os livros na estante formando um arco-íris de cores e histórias”, conta a escritora.               

Sobre a autora

Ana é autora do livro ‘Relato de Nós Dois’, ela lançou em 2014 apenas na versão impressa. A obra é um romance voltado ao público juvenil. A escritora já tem a continuação do livro e outras histórias escritas. “Meu plano daqui pra frente é continuar escrevendo cada vez mais”.

PUBLICIDADE
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização