PG terá recital de música clássica nesta quinta-feira

Mix

19 de abril de 2017 16:43

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Cláudio e Ivana passarão uma temporada fora do país

Banda Municipal de Palmeira tem seletiva no domingo

Almerinda contrata a Balada Jeiza para fazer o seu show

Maiara e Maraisa fazem show em PG na véspera do feriado
Festival de Música termina na tarde deste domingo
Marcelo Jeneci fecha Festival de Música de PG
Confira os shows do Festival de Música neste sábado
/Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

“Tocar Schubert é sobretudo voltar ao século XIX e usufruir da poesia lírica para fazer música na maior complexidade romântica”, explica a soprano Julcy Rodrigues. Quem já conhece o compositor austríaco Franz Schubert e quem deseja ouvir pela primeira vez, poderá assistir ao Recital de Canto do Conservatório Maestro Paulino, no dia 20 de abril, às 19h30, com entrada gratuita. A professora de canto Julcy Rodrigues, acompanhada do professor de piano Vinícius Fabri, recebe o clarinetista Vinícius Santos para uma participação especial na apresentação, que reúne diversas obras do compositor.

Fabri explica que não houve adaptações no repertório, tudo será apresentado conforme o original. “Escolhemos obras em que, além de mostrar uma formação diferenciada, há peças conhecidas e outras nem tanto do compositor, obras baseadas em grandes clássicos da literatura e obras mais líricas e calmas”, explica o pianista.

Rodrigues afirma que a plateia mergulhará no universo dos amores, loucura e delírios do período que o compositor viveu. “O público poderá encontrar formações variadas, desde piano solo, piano e canto além de um trio: piano, canto e clarinete”, completa Fabri.

Composições de Franz Schubert

Franz Schubert é considerado um dos maiores compositores do século XIX e marcou a transição do período clássico para o romântico. Os maiores sucessos do compositor foram os ‘lieds’, canções líricas cantadas baseadas na literatura de Shakespeare, Goethe, Heirich e Heine. Posteriormente, Schubert foi considerado o maior poeta lírico da música universal.

Em outubro de 1813, Schubert compôs sua Primeira Sinfonia em Ré Maior. O compositor também ficou famoso pela maneira que tratava os originais das composições, já que diversas obras foram esquecidas em bancos de jardins ou na casa de algum conhecido. Relata-se que o músico compôs, certa noite, a famosa Serenata, no verso de um cardápio de uma taberna, esquecido no local e recuperado no final da noite.

PUBLICIDADE
COMENTÁRIOS
AVISO: O portal aRede não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site.
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização