Cooperativas da região investem R$ 146 milhões

Valores foram aplicados, em 2018, em cinco unidades das três operações de industrialização das cooperativas Castrolanda, Frísia e Capal: leite, carne e trigo


As cooperativas Capal, Castrolanda e Frísia, que unidas criaram a marca Unium para a industrialização de produtos, realizaram investimentos multimilionários em suas unidades fabris. Embora com fábricas já consolidadas na região dos Campos Gerais e Sul de São Paulo, aportes foram feitos para a otimização ou ampliação da capacidade fabril delas. Somados todos os investimentos aplicados no decorrer de 2018, nas unidades de leite, no moinho Herança Holandesa e na fábrica da Alegra Foods, foram R$ 146,3 milhões aplicados. 

Os maiores aportes, R$ 121,7 milhões no total, foram aplicados nas Unidades de Beneficiamento de Leite (UBL). Há fábricas em Ponta Grossa, Castro e Itapetininga. Nessas plantas industriais são beneficiados os produtos das marcas Colônia Holandesa, Naturalle, e Colaso, além da prestação de serviços para diversas outras marcas. A UBL em Castro liderou os investimentos, recebendo R$ 67,5 milhões em aporte para a construção de uma torre de leite em pó, e para a automação de processos industriais, depósito de embalagens, resfriamento de leite, pavimentação de pátios, ampliação do laboratório e CIP para caminhões. 

Em Itapetininga, a Unidade de Beneficiamento de Leite recebeu R$ 40,76 milhões para a construção de um depósito de embalagens, aumento da capacidade de armazenagem, ampliação do tratamento de água e do resfriamento de leite. Já a unidade da Frísia, em Ponta Grossa, obteve R$ 13,45 milhões para o resfriamento de leite, ampliação da capacidade de armazenagem e do tratamento de água.

Em outro ramo, na Unidade de Beneficiamento de Trigo (Moinho Herança Holandesa), em Ponta Grossa foram aportados R$ 10,5 milhões para a instalação da empacotadeira de 1 e 5 kg da fábrica de pré-mistura e do moinho integral. Isso ocorreu pela entrada no varejo da marca (antes disponibilizadas para fim industrial). Já a Unidade Industrial de Carnes da Alegra Foods recebeu R$ 14,1 milhões em investimentos para a ampliação de industrializados, sala de cortes e abate, e utilidades. 


Novos aportes

E os investimentos não param por aqui. Há a perspectiva de um novo investimento para a expansão da unidade de leite em Ponta Grossa, e a respectiva oferta maior de produtos (entre eles, queijos). E também há a execução, em fase avançada, da aplicação de recursos na base, nem uma nova Unidade Produtora de Leitões, em Piraí do Sul, que será inaugurado neste ano, a qual permitirá a ampliação do fornecimento de matéria-prima para a unidade da Alegra. Somados esses dois aportes, eles passam de R$ 100 milhões. 


Faturamento somou R$ 2,48 bilhões

Somados os faturamentos dessas três operações em cindo unidades industriais, as cooperativas somaram a marca de R$ 2,48 bilhões. O destaque foi para as três fábricas de leite, que processaram 1,14 bilhão de litros de leite, rendendo um faturamento de 1,77 bilhão. Juntas, as unidades empregam 1.088 colaboradores. A Unidade Industrial de Carnes, que emprega 1.496 pessoas, obteve um faturamento de R$ 575 milhões, enquanto que o moinho de trigo, que tem 62 colaboradores, apresentou R$ 137,8 milhões em faturamento.

Capa da edição desta quarta-feira (20/03/2019) do JM

Capa da edição desta quarta-feira (20/03/2019) do JM...

Boneca Momo: maneiras de evitar o contato com as crianças

Boneca Momo: maneiras de evitar o contato com as crianças...

Palmeira recebe R$ 925 mil para a saúde e agricultura

Palmeira recebe R$ 925 mil para a saúde e agricultura...

Salvando vidas

Salvando vidas...

CCJ pode votar parecer da reforma dia 3

CCJ pode votar parecer da reforma dia 3...

Rangel autoriza obra de rua que liga Bonsucesso ao Santa Luzia

Rangel autoriza obra de rua que liga Bonsucesso ao Santa Luzia...

Beto Richa é preso pela 3ª vez na manhã de hoje

Beto Richa é preso pela 3ª vez na manhã de hoje...

Loja Sul Center fecha as portas em Ponta Grossa

Loja Sul Center fecha as portas em Ponta Grossa...

Vendas do comércio de PG crescem 5% em 2019

Vendas do comércio de PG crescem 5% em 2019...

Palestra discute desenvolvimento de talentos na agroindústria

Palestra discute desenvolvimento de talentos na agroindústria...

Klabin investe R$ 32 mi em pesquisas na região

Klabin investe R$ 32 mi em pesquisas na região...

Atendimento aeromédico completa um ano em PG

Atendimento aeromédico completa um ano em PG...

Mãe de Lidiane recebe alta e será ouvida pela polícia

Mãe de Lidiane recebe alta e será ouvida pela polícia...

Motorista de PG vai a júri pela morte de cinco pessoas

Motorista de PG vai a júri pela morte de cinco pessoas...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS