aRede aRede aRede
aRede
Lixeiro que se veste de Homem-Aranha salva mulher

Insana

04 de julho de 2017 16:05

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Estranha aparição em foto de menina, ainda pleiteia respostas

Entalada após cair de telhado, bêbada é resgatada nas Filipinas

'Capital do curry' tem rio amarelo devido ao tempero

Criatura misteriosa gera pânico na Argentina
Russa é ‘embalsamada viva’ após erro médico
Policiais argentinos culpam ratos pelo sumiço de maconha
Bêbado tem braço arrancado por crocodilo em casamento
Raymond Evans concede entrevista vestido como Homem-Aranha./Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Nos quadrinhos e no cinema, o Homem-Aranha está sempre pronto para combater o crime. Na vida real, também. Mas ele não se chama Peter Parker, não trabalha como fotógrafo e não vive em Nova York.

O nome do Homem-Aranha da vida real é Raymond Evans. Ele trabalha como coletor de lixo e vive em Lincoln, no Nebraska (EUA). Na segunda-feira da semana passada (12), o 'herói' evitou um crime em sua cidade.

Evans, que também treina MMA, costuma vestir uma fantasia de Homem-Aranha por baixo de seu uniforme de trabalho. Ele trabalhava quando ouviu alguém gritar por ajuda. A vítima, de 54 anos, estava sendo atacada por uma mulher que tentava roubar sua bolsa.

O Homem-Aranha do Nebraska agarrou a mulher e a imobilizou enquanto outras pessoas chamavam a polícia. Agora, Evans está sendo saudado como herói na cidade.

"Se isso acontecesse com minha avó ou minha mãe, gostaria que alguém as ajudasse. Gostaria que Deus mandasse um anjo para sempre cuidar de minha família", afirmou Evans ao canal de TV KOLN.

Pelo jeito, mais do que o Homem-Aranha, o que Evans quer mesmo é ser o anjo da guarda da cidade.

*Informações SiteUOL

PUBLICIDADE
MIX - 26/04/2018 02:23h

Renan pede Beth em casamento

Clara se diverte com Gael durante um passeio. Patrick afirma a Clara que, com as informações que re...

 
0
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização