Arena da Baixada será transformada para receber Liga Mundial

Esporte

16 de junho de 2017 10:41

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Atleta de PG conquista 6º Dan no Taekwondo

Ortigueira recebe final do Paranaense de Motocross

De olho em 2018, Índio fala sobre pré-temporada do Operário

Caramuru organiza peneira para time feminino de base
Suplentes dão conta e Caramuru vence amistoso solidário
Jogadores de PG ganham destaque em competições nacionais
Ortigueira sedia etapa final do Paranaense de Motocross
/
PUBLICIDADE

Estrutura com arquibancadas móveis será montada no gramado no dia 25 de junho, duas horas após o jogo entre Atlético-PR e Vitória

A iniciativa inédita de realizar uma competição de voleibol em um estádio já tem data para começar a tomar forma. No dia 25 de junho, duas horas após o jogo entre o Atlético-PR e o Vitória, pelo Campeonato Brasileiro, a Arena da Baixada começará a ser transformada para a receber a Fase Final da Liga Mundial, que acontecerá entre os dias 4 a 8 de julho, em Curitiba.

Para melhor posicionamento dos torcedores, uma estrutura com arquibancadas móveis será montada no gramado, mais próximas da quadra, facilitando a visualização dos jogos. Para isso, serão utilizadas 800 toneladas de material, envolvendo 500 pessoas nessa etapa de execução.

O Brasil já está garantido por ser sede, e no final de semana passado a França, campeã do torneio em 2015, também garantiu a classificação.

Essa será a segunda experiência do vôlei no campo do clube paranaense. No dia 3 de setembro de 2016, a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) realizou o Desafio de Ouro neste mesmo local em comemoração à conquista da medalha dourada nos Jogos Olímpicos Rio 2016. O evento foi um sucesso de público, com 33 mil pagantes. A Arena Atlético Paranaense é coberta, o que garante proteção contra chuva e sol, além de ter piso sintético, facilitando a operação de instalação da quadra de vôlei.

A estrutura permitirá um público de até 28.241, somando arquibancada interna, bem próxima da quadra e arquibancadas superiores.

Essa será a sexta vez que o Brasil sediará a fase final do torneio. São Paulo (1993), Rio de Janeiro (1995, 2008 e 2015) e Belo Horizonte (2002) já foram as cidades-sede da fase final. o Brasil é o país mais vitorioso, com nove títulos conquistados (1993, 2001, 2003, 2004, 2005, 2006, 2007, 2009, 2010). Neste ano, sob o comando do treinador, Renan Dal Zotto, a equipe tentará o decacampeonato em solo paranaense.

Os ingressos estão à venda pela internet.

Informações Assessoria de Imprensa.

PUBLICIDADE
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização