AMCG quer melhorar ligação entre o Paraná e São Paulo | A Rede - Aconteceu. Tá na aRede!
AMCG quer melhorar ligação entre o Paraná e São Paulo

especiais-rodovias

26 de agosto de 2017 23:30

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Estruturação de equipe de resgate reduz mortes nas rodovias

Obras reduzem acidentes com vítimas no Estado

Potencial logístico ganha reforço com infraestrutura

Rodovia gera crescimento no Parque Industrial de PG
Rodovias da região escoam produção agrícola recorde
Modelo rodoviário é prioridade no agronegócio
Rodovias melhoram ambiente de negócios no PR
/Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

No final dos anos 1990, a PR-151 era tida como uma “rodovia fantasma” – com a capa asfáltica amplamente danificada e integralmente em pista simples, a rodovia em direção ao interior do Paraná e São Paulo era um pesadelo para os motoristas. Em 2002, a primeira parte da duplicação entre Castro e Piraí do Sul foi concluída. Além disso, o segundo trecho, entre Piraí do Sul e Jaguariaíva conta atualmente com três frentes de obras de duplicação em andamento.

Para Juca Sloboda, prefeito de Jaguariaíva e presidente da Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG), a melhoria da PR-151 é fundamental para o desenvolvimento do Paraná e dos Campos Gerais. “Essa rodovia é essencial para ligar a nossa região à maior economia brasileira que é o estado de São Paulo, precisamos investir na qualidade desse trecho”, explicou Sloboda.

Com a proximidade de Jaguariaíva da divisa do Paraná com São Paulo, Juca comparou a diferença nas condições das rodovias mantidas pelo Estado e aquelas gerenciadas pela iniciativa privada. “Não rodovias que não são pedagiadas nós logo notamos a falta de condições básicas, como sinalização e uma pista com buracos, já nos trechos concedidos temos uma melhor condição estrutural e consequentemente um número muito menor de acidentes”, contou o presidente da AMCG.

Entre as demandas apresentadas por Sloboda está a melhoria nas rodovias que ligam Jaguariaíva à Itararé, município de São Paulo. “Sabemos que infelizmente o Estado não tem condições de dar a estrutura necessária para o desenvolvimento das rodovias e para nós de Jaguariaíva e também da região seria muito importante conseguir avançar nas condições de ligação com o Estado de São Paulo”, contou o prefeito e presidente da Associação.

PUBLICIDADE
COMENTÁRIOS
AVISO: O portal aRede não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site.
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização