X
aRede aRede
(X)
Publicidade

Cotidiano

A cristaleira foi restaurada e recolocada em um ponto de destaque na sala Foto: Jomar Bragança
Fernando Rogala | Cotidiano | 08/12/2018 as 13:51h

Utilização de peças de mobiliário antigas requer atenção

Decorar a casa com algo que jamais será usufruído pelos moradores é uma armadilha. Projeto deve ser adequado ao perfil


Uma poltrona de leitura onde ninguém tem o hábito de ler. Uma piscina que há anos não é utilizada e serve apenas para dar despesa ou, pior, ser um atrativo para doenças. Não é raro nos depararmos com objetos e, até mesmo, ambientes que não possuem a menor utilidade dentro de casa. Para não cairmos nessa armadilha de decorar a casa com algo que jamais será usufruído pelos moradores, profissionais esclarecem como é fundamental criar um projeto adequado ao perfil do cliente e sua família.

De acordo com a arquiteta Fernanda Andrade, o ideal é conversar com o cliente e entender quais são seus hábitos e desejos, evitando inserir no projeto objetos que não serão usados, mesmo que ele peça. “Temos que interpretar, através das conversas, o que o cliente realmente precisa e vai usar. Descobrir uma maneira de realizar os sonhos dele, propondo soluções que ele se identifique e sejam realmente utilizadas. A casa é um local íntimo que deve ser prazeroso de estar e onde possamos usar cada espaço projetado”, revela.

A designer de ambientes Fabiana Visacro acrescenta que para não cair nessas armadilhas de querer adquirir uma coisa que você acha que vai compor o projeto, mas na verdade não será útil para a vida de ninguém, é importante conhecer bem a rotina e a dinâmica da vida de todos os membros da família. “Quando falamos em elefante branco, nem sempre é um objeto, mas, também, um espaço que às vezes é morto dentro de casa e poderia trazer para a família muitos ganhos e benefícios. A partir da escuta isenta, atenta e empática, você entende e se coloca no lugar do cliente e sabe o que vai fazer sentido para ele”, pontua.

E Fabiana teve um exemplo disso em um de seus projetos. Os clientes tinham um ambiente em casa onde gostariam de fazer uma biblioteca. Ao chegar no local e avaliar a estrutura da família, percebeu que eles estavam equivocados quanto à real necessidade deles, pois o pai trazia para casa muita coisa do trabalho que ficava espalhado por todos os cantos. Um total descontrole organizacional que, também, implicava em descontrole financeiro. Assim, a designer percebeu o que seria ideal para aqueles clientes: um escritório. “A família tinha uma certa desorganização na vida financeira e isso implica em desastre pessoal. Quando você tem responsabilidades, isso afeta diretamente e drasticamente nos objetivos familiares. Com os materiais do trabalho do pai espalhados, a casa ficava sem espaço para outras coisas”, diz. “Vi naquele cômodo que queriam transformar em biblioteca uma outra necessidade, a de se ter um escritório. Então eu consegui pegar um ambiente que seria destinado para um uso familiar e o destinei à vida profissional dele. E, assim, a casa e a família inteira iam ganhar com isso. Ganhar em organização e, ainda, um bem maior, que era em relação ao sentimento do pai, em poder trabalhar em cima de seus objetivos e suas metas sem perder o foco. Todos saíram ganhando”, completou.


Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Campos Gerais 19/01/2019 ás 20:26h
Campos Gerais 19/01/2019 ás 19:31h
Campos Gerais 19/01/2019 ás 18:01h
Cotidiano 19/01/2019 ás 17:31h
Cotidiano 19/01/2019 ás 16:59h
Campos Gerais 19/01/2019 ás 16:31h
Campos Gerais 19/01/2019 ás 15:56h
Ponta Grossa 19/01/2019 ás 15:32h
Esporte 19/01/2019 ás 15:03h
Cotidiano 19/01/2019 ás 13:39h
Publicidade

VÍDEOS

Cotidiano | 18/01/2019 ás 10:10h

Casa fica à deriva em alto-mar em Matinhos

Cotidiano 17/01/2019 ás 10:55h
Cotidiano 17/01/2019 ás 08:27h
Publicidade

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 19/01/2019 ás 08:56h

Operações em PG buscam trazer segurança

Ponta Grossa 19/01/2019 ás 08:27h
Ponta Grossa 19/01/2019 ás 07:58h
Ponta Grossa 18/01/2019 ás 21:30h
Publicidade

COTIDIANO

Cotidiano | 19/01/2019 ás 11:17h

OMS lista principais ameaças à saúde em 2019

Cotidiano 19/01/2019 ás 10:20h
Cotidiano 19/01/2019 ás 09:52h
Cotidiano 18/01/2019 ás 18:33h
Cotidiano 18/01/2019 ás 16:38h
Publicidade

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 19/01/2019 ás 11:50h

Piraí do Sul conta com ações da ‘Operação Arrastão’

Campos Gerais 18/01/2019 ás 20:52h
Campos Gerais 18/01/2019 ás 19:56h
Campos Gerais 18/01/2019 ás 17:00h
Publicidade

MIX

Mix | 18/01/2019 ás 14:37h

Palladium recebe atração de férias inspirada nos dragões

Mix 18/01/2019 ás 10:25h
Publicidade

ESPORTE

Esporte | 19/01/2019 ás 11:39h

Campeonato Paranaense 2019 começa hoje

Esporte 19/01/2019 ás 09:25h
Esporte 18/01/2019 ás 19:05h
Publicidade

INSANA

Insana | 18/01/2019 ás 11:10h

Alunos recebem plástico-bolha para aliviar tensão de provas

Insana 15/01/2019 ás 13:10h
Insana 10/01/2019 ás 14:09h
Publicidade

VAMOS LER

Vamos Ler | 06/12/2018 ás 13:14h

Alunas realizam entrevistas durante premiação em Castro

AGRONEGÓCIO

Agronegócio | 19/01/2019 ás 12:48h

Brasil já recebeu 1,1 milhão de imigrantes

Publicidade

ROMULO CURY

Romulo Cury | 19/01/2019 ás 00:05h

Coluna RC deste sábado (19/01)

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 19/01/2019 ás 00:08h

Confira seu horóscopo para este sábado (19/01)

EMPREGOS

Empregos | 19/01/2019 ás 00:10h

Vagas na agência do Trabalhador para este sábado (21/01)

Publicidade

MAIS LIDAS

Cotidiano | 17/01/2019 ás 08:27h

Temporal devasta e afunda barcos em Guaratuba

Ponta Grossa 14/01/2019 ás 14:27h
Campos Gerais 15/01/2019 ás 08:30h
Ponta Grossa 18/01/2019 ás 08:34h
Cotidiano 14/01/2019 ás 10:40h
Publicidade
Publicidade