“Palocci está preso, tem o direito de querer ser livre”, diz Lula | A Rede - Aconteceu. Tá na aRede!
“Palocci está preso, tem o direito de querer ser livre”, diz Lula

Cotidiano

13 de setembro de 2017 18:38

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Sandro garante R$ 125 mi para pesquisas na Antártida

IBGE abre seleção para contratar 174 recenseadores

Turista espanhola é morta por policiais no RJ

Projetos sustentáveis geram renda e qualidade de vida
Dentista usa nome de colega para aplicar golpe e vai preso
Rede pública oferece cursos técnicos na área de saúde
Semana de combate ao Aedes aegypti mobiliza instituições
/Imagem: Reprodução
PUBLICIDADE

Em audiência nesta quarta-feira, 13, na Operação Lava Jato, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que o ex-ministro Antonio Palocci (Fazenda/Casa Civil, Governos Lula e Dilma) “está preso há mais de um ano e tem o direito de querer ser livre”. A audiência de Lula durou mais de 2 horas.

“Parece que tem uma caça às bruxas. Eu tenho lidado com muita paciência. Eu vi o depoimento do Palocci, não respondi nada, não falei nada. Muita gente achou que eu ia chegar com muita raiva do Palocci. Eu achei que o Palocci tá preso há mais de um ano, o Palocci tem o direito de querer ser livre, tem o direito de querer ficar com o pouco do dinheiro que ele ganhou fazendo palestra, ele tem família. Tudo isso eu acho. O que não pode é se você não quer assumir a tua responsabilidade pelos fatos ilícitos que você fez, não jogue em cima dos outros.”

Na semana passada, Palocci rompeu o silêncio, fez um relato devastador e entregou o ex-presidente, a quem atribuiu envolvimento com o que chamou de “pacto de sangue” com a empreiteira Odebrecht que previa repasse de R$ 300 milhões para o governo petista e para Lula.

“Eu fiquei muito preocupado com a delação do Palocci, porque ele poderia ter falado ‘Eu fiz isso de errado, eu fiz isso’. Ele, espertamente, disse, ‘não é que eu sou santo’ e pau no Lula. ‘Não é que eu sou santo’, que é um jeito de você conquistar veracidade na tua frase. Eu fiquei com pena disso”, afirmou.

Lula é réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro sobre contratos entre a empreiteira e a Petrobras. Segundo o Ministério Público Federal, os repasses ilícitos da Odebrecht chegaram a R$ 75 milhões em oito contratos com a estatal. O montante, segundo a força-tarefa da Lava Jato, inclui um terreno de R$ 12,5 milhões para Instituto Lula e cobertura vizinha à residência de Lula em São Bernardo do Campo de R$ 504 mil.

As informações são da Rádio Banda B.

PUBLICIDADE
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização