Câmera flagra queda de avião de empresário no MT

Cotidiano

06 de janeiro de 2017 13:45

Rodrigo de Souza

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Pauliki cobra isenção para motos em praças de pedágio

Homem é preso ao ser flagrado ‘aprontando’ no Cemitério Municipal

PEC do Foro Privilegiado aguarda votação no Senado

Batidas em postes causam 16 desligamentos por dia no PR
Sisu abre inscrições para o segundo semestre
Médico socorrista morre em acidente de trânsito em Curitiba
Homem morre carbonizado em incêndio em residência
PUBLICIDADE

Em vídeo, é possível ver uma leve explosão quando a aeronave toca fios de eletricidade antes de tocar o chão. Duas pessoas morreram e outras duas ficaram feridas no acidente.

Uma câmera de monitoramento instalada no Aeródromo de Tangará da Serra (MT) flagrou o momento exato da queda do avião onde estava o empresário paranaense José Torres Sobrinho e a família. O acidente aéreo aconteceu na quinta-feira (05). Além de José, a esposa Solésia Stringari Torres também morreu no local. A filha e o genro do casal foram levados às pressas para o hospital.

No vídeo é possível perceber o avião tocando fios de alta tensão, quando um ‘clarão’ surge nas imagens – uma pequena explosão foi registrada no momento. Na sequência o avião toca o chão e fica destruído.

José Torres Sobrinho foi ex-presidente da Associação Comercial e Industrial de Cascavel (Acic). O avião caiu bem perto do aeroporto de Tangará da Serra, próximo a um ponto onde outra aeronave já havia caído em 2014, deixando um morto. Segundo o portal CGN, a família seguia para o município, onde trataria de negócios e também passaria uns dias de férias.

PUBLICIDADE
COMENTÁRIOS
AVISO: O portal aRede não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site.
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização