aRede aRede aRede
(X)

Campos Gerais

Fernando Rogala | Campos Gerais | 15/06/2018 as 20:24h / Imagem: aRede

Região terá aporte de R$ 2 bi no setor de energia elétrica

A Engie Brasil Energia, maior produtora privada de energia elétrica no Brasil, realizará um investimento bilionário na região dos Campos Gerais do Paraná. A empresa foi a vencedora de um leilão de linhas de transmissão, realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Integram esse lote 1.146 quilômetros de extensão, subdivididos em oito novas linhas de transmissão e trechos complementares, dos quais, expressiva parte estará nos Campos Gerais, passando por Ponta Grossa. No trecho, também serão construídas cinco subestações de energia, três das quais na região, totalizando um aporte de R$ 2,01 bilhões. A previsão de início das obras é para o final de 2019.

José Laydner, diretor de Geração da Engie Brasil Energia, revelou ao Jornal da Manhã e Portal aRede que ainda estão sendo realizados os estudos iniciais. “O projeto está na fase de estudos locacionais, que contempla basicamente a execução da topografia, sondagens de campo, aerolevantamento, licenciamento ambiental e cadastro fundiário dos proprietários atingidos, para definição de um traçado preliminar. Ao mesmo tempo, estão sendo elaborados os projetos de engenharia das linhas e subestações”, informa. 

O investimento consiste na constrição de duas linhas, com dois circuitos de 525kV, e seis linhas de 230kV, além de mais cinco trechos de seccionamentos de linhas de 230kV. As novas subestações serão construídas em Ponta Grossa, Irati, Castro, União da Vitória e Guarapuava, e as ampliações necessárias, em subestações já existentes, para a conexão das novas linhas, ocorrerão nos municípios de Areia, Bateias, Ivaiporã, Ponta Grossa Sul e São Mateus do Sul.

Conforme explicou Laydner, o empreendimento fará parte do Sistema Interligado Nacional, cujo planejamento e programação da operação estão à cargo do Operador Nacional do Sistema Elétrico. As instalações serão conectadas inicialmente às instalações da Copel Geração e Transmissão, da Eletrosul e da Copel Distribuição. “As usinas de energia elétrica são, na sua maioria, construídas longe dos centros consumidores (cidades e indústrias). É por isso que a eletricidade produzida pelos geradores tem de viajar por longas distâncias, em um complexo sistema de transmissão”, explica. 

Ao sair dos geradores, a eletricidade começa a ser transportada por meio de cabos aéreos -fixados em torres, que formam a rede de transmissão, os quais serão construídos pela Engie. Laydner esclarece a necessidade das subestações. “No caminho, a eletricidade passa por diversas subestações, onde transformadores aumentam ou diminuem sua voltagem. Quando a eletricidade chega perto dos centros de consumo, as subestações diminuem a tensão elétrica”, completa.

O prazo da concessão do serviço público de transmissão, incluindo construção, montagem, operação e manutenção das instalações de transmissão será de trinta anos, a contar da data de assinatura do contrato de concessão, e a estimativa é de geração de mais de 4 mil empregos diretos, segundo a Engie.


Ruralistas serão indenizados

A partir do momento que os estudos sejam concluídos e haja o traçado definido, são efetuados os levantamentos do imóveis afetados pela linha de transmissão. Nesse levantamento, serão identificados os proprietários atingidos, segundo a empresa, além das culturas e benfeitoras reprodutivas e não reprodutivas, as quais serão indenizadas. O valor das indenizações será avaliado com base numa ampla pesquisa de preços, que considera com base os valores da região. “A chamada faixa de servidão é uma área que fica no entorno da linha de transmissão. Por questões de segurança, a partir da execução das obras alguns usos anteriormente possíveis desta área ficarão restritos. No entanto, ela continuará de posse dos seus atuais donos e a empresa indenizará por esta restrição de uso na faixa de servidão”, esclarece o diretor de Geração da Engie. Ele informa que esse pagamento é único e a servidão é instituída de forma perpétua.


Traçado da linha irá passar por 25 municípios do Paraná

Como a empresa ainda está na fase inicial do projeto, o comprimento e o traçado exato não estão ainda definidos. O objetivo é sempre obter um traçado que envolva o menor impacto social e ambiental e também o menor investimento, já que o objetivo do governo é a modicidade tarifária. O projeto prevê que as linhas devem passar por 25 municípios paranaenses: Ariranha do Ivaí, Balsa Nova, Campo Largo, Cândido de Abreu, Carambeí, Castro, Cruz Machado, Guarapuava, Imbituva, Ipiranga, Ivaí, Manoel Ribas, Palmeira, Paula Freitas, Paulo Frontin, Pinhão, Pitanga, Ponta Grossa, Porto Amazonas, Prudentópolis, São João do Triunfo, São Mateus do Sul, Teixeira Soares, Turvo e União da Vitória.

0 compartilhados
Publicidade

Publicidade

PRINCIPAIS

Bom Dia Astral 20/07/2018 ás 02:42h
Empregos 20/07/2018 ás 01:59h
RC Coluna 20/07/2018 ás 01:58h
Campos Gerais 19/07/2018 ás 23:35h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 22:27h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 21:31h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 20:32h
Mix 19/07/2018 ás 20:00h
Campos Gerais 19/07/2018 ás 19:32h
Campos Gerais 19/07/2018 ás 19:18h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 18:40h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 18:22h
Publicidade

LIVES RECENTES

ao vivo | 19/07/2018 ás 17:07h

Incêndio em residência mobiliza corpo de bombeiros

ao vivo 19/07/2018 ás 16:07h
ao vivo 19/07/2018 ás 14:06h
ao vivo 19/07/2018 ás 11:27h
Publicidade

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 19/07/2018 ás 17:31h

Casa abandonada pega fogo em Olarias

Ponta Grossa 19/07/2018 ás 17:20h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 17:01h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 17:00h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 16:05h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 15:00h

COTIDIANO

Cotidiano | 19/07/2018 ás 17:59h

Sandro Alex quer perda ‘automática’ do mandato de políticos condenados

Cotidiano 19/07/2018 ás 15:34h
Cotidiano 19/07/2018 ás 15:29h
Cotidiano 19/07/2018 ás 13:14h
Cotidiano 19/07/2018 ás 12:47h
Cotidiano 19/07/2018 ás 12:32h
Publicidade

VÍDEOS

Vamos Ler | 19/07/2018 ás 13:39h

Entrevistas destacam ações de projeto solidário em Castro

Ponta Grossa 19/07/2018 ás 07:52h
Campos Gerais 18/07/2018 ás 08:09h

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 19/07/2018 ás 11:35h

Pedalada celebra 85 anos da Colônia Terra Nova

Campos Gerais 19/07/2018 ás 09:49h
Campos Gerais 18/07/2018 ás 17:24h
Campos Gerais 18/07/2018 ás 13:29h
Campos Gerais 18/07/2018 ás 03:00h
Campos Gerais 17/07/2018 ás 23:34h

MIX

Mix | 19/07/2018 ás 16:41h

Parceria entre ‘Hamburgueira 13’ e app dá 60% de desconto

Mix 18/07/2018 ás 16:40h
Mix 18/07/2018 ás 02:52h
Mix 18/07/2018 ás 02:17h
Mix 18/07/2018 ás 02:07h
Mix 17/07/2018 ás 19:00h

VIDEOS RECOMENDADOS

Publicidade

ESPORTE

Esporte | 19/07/2018 ás 10:42h

Caramuru feminino vai disputar fase final dos JOJUPs

Esporte 19/07/2018 ás 10:27h
Esporte 18/07/2018 ás 12:47h

INSANA

Insana | 18/07/2018 ás 13:02h

‘Caçador de fantasmas’ é flagrado nu em portão de casa

Insana 09/07/2018 ás 11:35h
Insana 27/06/2018 ás 12:17h
Insana 21/06/2018 ás 13:39h
Insana 21/06/2018 ás 13:14h
Insana 20/06/2018 ás 12:32h
Publicidade

VAMOS LER

Vamos Ler | 19/07/2018 ás 16:20h

Valores trazem produções a Pré II de Teixeira Soares

AGRONEGÓCIO

Agronegócio | 14/07/2018 ás 19:56h

Contratação do crédito agropecuário aumentou 13%

Publicidade

ROMULO CURY

RC Coluna | 20/07/2018 ás 01:58h

Coluna RC desta sexta-feira (20/07)

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 20/07/2018 ás 02:42h

Bom Dia Astral: Confira seu horóscopo para sexta-feira (20/07)

EMPREGOS

Empregos | 20/07/2018 ás 01:59h

Vagas na Agência do Trabalhador para sexta-feira (20/07)

Publicidade

MAIS LIDAS

Ponta Grossa | 16/07/2018 ás 09:07h

Justiça decreta prisão de suspeito de estuprar criança

Ponta Grossa 19/07/2018 ás 08:07h
Ponta Grossa 15/07/2018 ás 10:40h
Ponta Grossa 18/07/2018 ás 15:20h
Ponta Grossa 19/07/2018 ás 07:52h
Publicidade