Prefeitura de Castro reduz salários dos comissionados em 20%

Campos Gerais

13 de novembro de 2017 11:48

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Tigabi recebe investimento de R$ 585 mil em moradias

Pauliki comemora projeto que reduz preço de remédios

Carambeí vai construir 154 casas através do ‘Morar Bem’

PM detém suspeitos de praticar série de assaltos
BRDE e Sebrae liberam R$ 92 mi a empresários
Blum assina ordem de serviço para construção de 154 casas
Gangue da marcha ré invade loja em Jaguariaíva
Ajuste é para manter o índice de gastos com pessoal do último quadrimestre no limite de 54%/Divulgação
PUBLICIDADE

Ajuste é para manter o índice de gastos com pessoal do último quadrimestre no limite de 54% e cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal

O prefeito de Castro Moacyr Fadel Junior anunciou nesta segunda-feira (13) a redução de 20% nos salários do prefeito, vice-prefeito, secretários, comissionados e funções gratificadas. O ajuste é para manter o índice de gastos com pessoal do último quadrimestre no limite de 54% e cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Fadel explica que quando assumiu a Prefeitura em janeiro deste ano, o índice de pessoal estava estourado em 57% e tomou medidas como enxugar o número de secretarias de 15 para dez, reduzir os gastos com cargos comissionados e várias outras ações. “Porém, este ano a arrecadação ficou abaixo do esperado e a tendência nos últimos meses é de queda. A crise que assola o país reflete na arrecadação dos municípios. Essa medida é para nos enquadrarmos no índice de 54% e cumprir a lei. O corte nos salários, a começar pelo do prefeito, é uma tentativa de ajustar as contas. Sei que não é fácil, mas é a medida menos dolorosa, porque não precisaremos demitir funcionários”, disse.

Com o índice de pessoal dentro do limite recomendado pela LRF, o município obterá do Tribunal de Contas do Estado (TCE) a Certidão Negativa para que possa receber repasse de verbas federais e estaduais. “Conseguimos muitos recursos e a partir do ano que vem teremos muitas obras na cidade. Mas para que esse dinheiro venha, precisamos da Certidão Negativa”, finalizou.

Informações Assessoria de Imprensa.

PUBLICIDADE
MIX - 21/02/2018 02:14h

Vinícius é morto no presídio

Beth se junta à comemoração de Clara e todos estranham seu comportamento. Adinéia pede para Samuel ...

 
0
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização